ECONOMIA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Cabo Verde com aumento generalizado nos preços de combustíveis a partir das 00 horas do dia 01 de Janeiro 31 Dezembro 2020

Agência Reguladora Multissectorial da Economia (ARME) actualizou hoje os novos preços máximos dos combustíveis, que devem vigorar a partir das 00 horas do dia 01 de Janeiro de 2021.Registou-se um aumento generalizado, de entre 4 e 10%, nos preços de combustíveis no país.

Cabo Verde com aumento generalizado nos preços de combustíveis a partir das 00 horas do dia 01 de Janeiro

Conforme a nota de imprensa da ARME a que a Inforpress teve acesso, o Gasóleo Normal passa a ser vendido a 81,50 ECV/L; a Gasolina, a 102,80 ECV/L; o Petróleo, a 68,10 ECV/L; o Gasóleo Electricidade, a 66,30 ECV/L; o Gasóleo Marinha, a 55,70 ECV/L; o Fuel 380, a 59,70 ECV/L e o Fuel 180, a 62,70 ECV/L.

O Gás butano, acrescenta a mesma nota, passa a ser vendido a granel por 127,10 ECV/Kg, sendo que as garrafas de 3Kg passam a ser vendidas a 362,00 ECV; as de 6 Kg, a 763,00 ECV; as de 12,5Kg, a 1.589,00 ECV e as de 55Kg, a 6.991,00 ECV.

“De acordo com os dados publicados no Platts European Marketscan e LPGasWire, os preços médios dos combustíveis nos mercados internacionais, cotados em USD/ton, aumentaram durante o mês de Dezembro (18%) relativamente ao mês de Novembro”, lê-se no comunicado da ARME.

De acordo com a ARME, o mês de Dezembro de 2020 ficou marcado por uma subida das cotações médias de petróleo, num mês em que os mercados internacionais continuaram a mostrar optimismo em relação à perspectiva de recuperação económica, com reflexos do lado da procura, em consequência do anúncio do surgimento das primeiras vacinas para a covid-19.

“Para além disso, o mês ficou marcado pela contínua monitorização dos níveis de oferta de petróleo bruto e de produtos petrolíferos, face ao contexto da procura e consumo a nível mundial, caracterizado pelas medidas de confinamento que estão a condicionar o funcionamento das actividades económicas”, refere a nota.

Segundo a mesma fonte, a evolução dos preços dos produtos petrolíferos no mercado internacional aliada à apreciação do euro face ao dólar americano determinaram os preços dos combustíveis no mercado nacional, ora fixados.

Assim, no mercado interno, os preços do Butano; Gasolina; Petróleo; Gasóleo Normal; Gasóleo Electricidade; Gasóleo Marinha; Fuelóleo 180 e Fuelóleo 380 tiveram aumentos de 7,44%; 4,15%; 7,75%; 6,40%; 7,98%; 8,37%; 10,15% e 9,62%, respectivamente.

Os novos valores do parâmetro CP (Custo de Aquisição do Produto) e os correspondentes preços máximos de venda ao consumidor final dos combustíveis regulados vigoram de 01 a 31 de Janeiro de 2021.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project