SERÁ NOTÍCIA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Cabo Verde dá últimos passos para entrar definitivamente na Televisão Digital 30 Abril 2021

Cabo Verde já começou a entrar, "definitivamente", no rumo da Televisão Digital Terrestre (TDT). Os sinais de serviço de televisão analógico começaram a ser desligados há cinco dias, iniciado pelas ilhas do Maio, Santiago e Fogo, para dar lugar ao digital e a um serviço de maior qualidade de imagem, mais canais, eliminação de zonas sombras e acesso universal às informações e ao entretenimento.

Cabo Verde dá últimos passos para entrar definitivamente na Televisão Digital

De acordo com o Site Oficial do Governo, Cabo Verde já começou a entrar, definitivamente, no rumo da Televisão Digital Terrestre (TDT). Os sinais de serviço de televisão analógico começaram a ser desligados há cinco dias, iniciado por Maio, Santiago e Fogo, para dar lugar ao digital e a um serviço de maior qualidade de imagem, mais canais, eliminação de zonas sombras e acesso universal às informações e ao entretenimento.

O Ministro da Cultura e das Indústrias Criativas, Abraão Vicente, também tutela da comunicação social, acompanhado do presidente do Conselho de Administração da Cabo Verde Broadcast (CVB), Luís Ramos e do Administrador, Carlos Inocêncio, esteve de visita e acompanhamento ao processo de desligamento do sinal analógico e da adesão à TDT. Procedeu também à entrega de descodificadores (set-top-box) às famílias na localidade de Ribeira Cima, em Ribeira da Barca, concelho de Santa Catarina. "Estas famílias estão agora munidas de instrumentos e equipamentos que dão acesso a mais canais de televisão, tanto nacionais como internacionais", disse.

O governante e os dois membros do CA da CVB ainda estiveram em São Lourenço dos Órgãos a preparar uma visita ao terreno para acompanhar o processo de switch off e adesão ao TDT.

O Governo ressaltou que a transição do sistema de transmissão analógica para o sistema de TDT constitui um dos objetivo do Estado de Cabo Verde, que à semelhança de todos os países a nível mundial, ao assinar o Plano de Genebra 2006 (GE06), assumiu o compromisso internacional de realizar o desligamento (switch-off) da televisão analógica, num processo patrocinado pelas entidades com responsabilidades nas políticas de regulação no setor das telecomunicações em cada uma das regiões.

Neste âmbito, destacou a União Internacional das Telecomunicações (UIT), a União Africana das Telecomunicações (UAT) e a Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO).

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project