POLÍTICA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Caso de recusa de vistos a jovens: Líder da JPAI pede intervenção do Presidente da República para se resolver esse episódio que envergonha o país 10 Novembro 2020

O líder da JPAI denuncia, hoje, em conferência de imprensa, aquilo que considera ser «uma autentica vergonha nacional» com a recusa, pelo Centro Comum de Vistos na Praia, de conceder vistos a jovens cabo-verdianos, incluindo atletas em competição internacional. Além de pedir a intervenção urgente do governo para resolver o problema, Fidel Cardoso de Pina solicita ao Presidente da República a exercer a sua magistratura de influência junto dos meios diplomáticos no sentido de se por cobro à essa situação que considera ser humilhante para Cabo Verde.

Caso de recusa de vistos a jovens: Líder da JPAI pede  intervenção do Presidente da República para se resolver esse episódio que envergonha o país

«Não deixa de ser lamentável e uma autêntica vergonha nacional, que um jovem cabo-verdiano tenha de passar por situações humilhantes e de afronta para a obtenção de um visto, sem qualquer tipo de apoio e/ou proteção, do seu Governo, que, supostamente, deveria se empenhar para lhe garantir mais oportunidades, enquanto nós facilitamos a entrada de todos no nosso País», contesta a líder da juventude do maior partido da oposição do arco do poder.

Fidel Cardoso de Pina qualifica de humilhante o episódio de recusa de vistos a jovens atletas . «E, como se não bastasse, assistimos a mais um episódio de absoluta humilhação com a recusa de vistos aos nossos de atletas da seleção nacional de andebol. A verdade é que, esta recusa do visto foi ao país, relembrando que quem conduziu todo este processo dos nossos atletas foi o Governo de Cabo Verde. Isso é francamente Grave!».

Para o mesmo dirigente, a juventude do PAICV entende que, se não se podendo exigir uma especial atenção às Representações Diplomáticas acreditadas no País sobre estas questões, caberá ao Governo de Cabo Verde envidar esforços no sentido de poderem ser criadas condições que garantam aos jovens e aos cidadãos cabo-verdianos, em geral, melhores condições e maior suporte no tratamento e na instrução dos pedidos de vistos. «Não podemos continuar com esta Política Externa que envergonha os cabo-verdianos. Exigimos, em nome destes jovens, uma intervenção urgente do Governo, no sentido de se pôr cobro a essas situações», exige a líder da JPAI, que pede ao mesmo tempo ao Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, a exercer a sua magistratura de influência para resolver essa situação que envergonha o país.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project