INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Celebração do ’Dia do Canadá’ contestada com derrube das estátuas das rainhas Isabel II e Vitória 03 Julho 2021

As estátuas das rainhas Isabel II e Vitória em frente ao palácio do executivo na capital de Manitoba foram amarradas com cordas e atiradas ao chão e as faces desfiguradas, por uma multidão em fúria após a recente descoberta de mais de mil túmulos de crianças ameríndias internadas numa instituição estatal.

Celebração do ’Dia do Canadá’ contestada com derrube das  estátuas das rainhas Isabel II e Vitória

Durante a manifestação em Winnipeg, milhares de pessoas protestaram contra a decisão do governo provincial em levar avante a celebração do ’Dia do Canadá’, a 01 de julho. O derrube das estátuas constitui assim o mais importante ato de repúdio ao martírio de milhares de crianças indígenas, "às mãos do império britânico".

Perante o "máximo desprezo pelas crianças indígenas" revelado pela recente descoberta das ossadas em túmulos sem nome, grupos indígenas em várias cidades, como Ottawa e Winnipeg, pediram que não se celebrasse este ano o ’Dia do Canadá’.

A província de Manitoba rege-se por uma Assembleia Legislativa que tem um executivo liderado pelo primeiro-ministro e um representante da soberana que é o vice-governador apontado pelo governador-geral do Canadá.

O Canadá, Estado federal que reuniu as três colónias de Canadá, Nova Escócia e New Brunswick, é, de acordo com a Constituição de 1 de julho de 1867, uma democracia parlamentar e uma monarquia constitucional. A chefia do Estado atribuída à Rainha de Inglaterra é justificada pelos laços históricos entre o Canadá e o Reino Unido.

Martirizadas em escolas do governo

Calcula-se que desde os finais do século XIX e por cerca de um século, um total de seis mil crianças — de entre muitas mais retiradas às famílias indígenas para serem "educadas" em escolas do governo — morreram de maus-tratos, violações, subnutrição nos internatos canadianos do império britânico.

Fontes: AP/BBC/ Le Monde. Fotos: Em Winnipeg, capital de Manitoba, o derrube das estátuas das rainhas Isabel II (1952-202...) e Vitória (1837-1901), após a descoberta do martírio de seis mil crianças indígenas vítimas do império britânico desde 1867.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project