CORREIO DAS ILHAS

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Centrum Sete Sóis Sete Luas inaugura obras de arte em Cabo Verde 25 Janeiro 2020

Os Centrum Sete Sóis Sete Luas continuam a rica programação artística em Cabo Verde, inaugurando cinco novas exposições de arte. Contam com cinco artistas internacionais envolvidos, vindos da rede das cidades do Festival Sete Sóis Sete Luas.

Centrum Sete Sóis Sete Luas inaugura obras de arte em Cabo Verde

A primeira inauguração acontece este domingo, 26, no Centrum Sete Sóis Sete Luas de São Filipe, com a exposição “Ideogrammi II”do artista esloveno Vasko Vidmar, que apresenta algumas obras figurativas, criadas de 2016 até hoje.

Conforme a organização, as criações à primeira vista parecem simples texturas, mas de perto pode-se encontrar diferentes desenhos, elementos e formas que dizem respeito ao subconsciente do artista. “O fundo de cada obra é uma base de cor cuidadosamente escolhida em relação ao estado de espírito do artista; podemos portanto dizer que as obras são de caráter pessoal, apesar de não representarem imagens claras do mundo real”, aponta.

Sabe-se ainda que as cores da Espanha chegam ao Centrum da Brava no dia 28 deste mês, com a exposição "Historias de Mulheres" do artista Hamadi Ananou. “A exposição é uma homenagem à mulher árabe, que é uma peça fundamental da sociedade árabe. Ela é a conservadora das tradições e dos costumes, dos segredos das ciências e da medicina natural, dos conhecimentos e dos sofrimentos. Por ocasião da inauguracão da exposição está previsto o concerto da Brava 7Luas Band”, anuncia a mesma fonte.

Já no dia 29, será a vez do Centrum SSSL de Tarrafal, que recebe as “maravilhosas” pinturas do artista Alfredo Martinez Perez, com a exposição "Desde Alameda de Cervera" a encantar o publico. “Alfredo nos seus retratos, nos seus esboços de figuras, no tratamento que dá a corpos e rostos, desconstrói com simplicidade a amálgama da matéria que tem diante de si para apresentá-la de imediato ao espetador, emocionando-o com específicos elementos essenciais”. A sua obra “pictórica”, com uma forte constância humanista e estética paisagística, desenvolve-se em torno de elementos culturais básicos de caráter contemporâneo, que vão resultar no “sincretismo” do seu trabalho, que concilia colocações estéticas muito clássicas com elementos dos tempos mais recentes.

Na ilha do Maio também será inaugurada no Centrum SSSL do Maio a exposição "20 anos de dialogo intercultural"com o concerto do 7luas Maio Band.

O Festival Sete Sóis Sete Luas aproveita a ocasião para convidar a todos a visitar os pedaços de memória que marcaram a sua existência durante os últimos 20 anos em Cabo Verde. Música, arte, exposições e laboratórios de criatividade fazem parte da programação do Festival SSSL para promover o diálogo intercultural entre artistas internacionais, nacionais e os cabo-verdianos.

“A exposição apresenta entrevistas, fotografias, bem como artigos que foram publicados sobre este maravilhoso intercâmbio cultural - um longo registo que o Festival SSSL tem o prazer de apresentar e partilhar no Centrum SSSL.

No 15 de Fevereiro, será a vez do Centrum SSSL da Ribeira Grande de Santo Antão, que recebe a inauguração da exposição do street artist Waroox da ilha de La Réunion “L’art est Union”.

“Waroox irá realizar de 26 de Janeiro a 23 de Fevereiro uma longa residência artística nos Centrum SSSL posicionados nas ilhas mais periféricas (Brava, Fogo, Maio e Santo Antão). Durante a residência Waroox serão realizados quatro grandes murales para surpreender a população local.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project