MUNDO INSÓLITO

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Cheias na China: 12 morrem no metro, milhares submergidos 21 Julho 2021

Os passageiros do metro contaram o pânico vivido nesta terça-feira, com a enxurrada de água a chegar com violência nas plataformas do metro e forçar as portas das carruagens. "De repente, estava com a água até aos joelhos, até à cintura, até ao pescoço", contou uma passageira na rede social Weibo. Imagens-vídeo mostram milhares de pessoas que tentam manter-se à tona de água em passagens do metro . As autoridades de Zhengzhou anunciaram a morte de doze utentes do metro dessa cidade a sul de Pequim.

Cheias na China: 12 morrem no metro, milhares submergidos

A China vive dias de inundações sem precedentes. A pluviometria em Zhengzhou, capital de Henan, bateu recordes históricos: em três dias choveu tanto com num ano, na terça atingiu os 634 mm e entre as 16-17H choveu 211mm.

Nesta cidade-capital provincial de 12 milhões de habitantes sita nas margens do próprio Rio Amarelo, além das mortes há vários milhares de pessoas que ficaram sem casa. "Duzentas mil tiveram de ser retiradas das suas casas", algumas tinham-se abrigado no tops dos edifícios.

Imagens nos social-media e televisões públicas e privadas veiculam a atualidade de desespero: as estradas viraram rios — nas zonas ribeirinhas invadidas pelas águas pluviais —, os carros são arrastados pelas correntes, materiais e equipamentos são levados, pessoas têm de ser socorridas por todos os meios.

Sem água, sem eletricidade e sem internet

No principal hospital de Zhengzhou, um apagão que durou horas obrigou a "transferir seiscentos doentes críticos".

Barragens e diques transbordaram. Milhares de soldados foram mobilizados para desviar o curso de rios que invadiram margens — incluindo um povoado onde toda a população teve ser resgatada por botes e helicópteros.

Suspenderam-se transportes aéreos e ferroviários em algumas partes da província.

Em declarações à BBC-China, um residente, identificado como Liu, de 27 anos, contou que está há dois dias "sem água, sem eletricidade e sem internet".

Fontes: BBC/Xinhua/SCMP. Fotos: Metro inundado onde morreram doze pessoas na capital de Henan, província com um total de 25 mortos.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project