INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Chuvas da monção mataram pelo menos 48 pessoas no Nepal e Índia 18 Setembro 2022

Chuvas fortes da monção e deslizamentos de terras mataram quase 50 pessoas no Nepal e na Índia nos últimos dias, disseram hoje as autoridades.

Chuvas da monção mataram pelo menos 48 pessoas no Nepal e Índia

Segundo a Lusa, no Nepal ocidental, pelo menos 22 pessoas morreram após os deslizamentos de terra que deixaram cerca de 100 casas soterradas na sexta-feira, disse à AFP um responsável da polícia.

Onze pessoas foram feridas, três das quais foram levadas para o hospital por um helicóptero militar.

"As equipas de salvamento ainda estão à procura de uma pessoa desaparecida", acrescentou o responsável.

Está em curso uma grande operação de salvamento. A polícia e o pessoal militar estão a limpar os escombros e a distribuir alimentos, tendas e vestuário.

Do outro lado da fronteira no estado indiano de Uttar Pradesh, fortes chuvas mataram 26 pessoas desde sexta-feira, disseram as autoridades.

Entre as vítimas estão nove trabalhadores que ficaram soterrados após terem sido atingidos por um muro que desabou na capital do estado Lucknow, de acordo com uma declaração governamental.

A monção anual é responsável por 70 a 80% da precipitação anual da Ásia do Sul, mas é também sinónimo de morte e destruição, com quase 1.400 pessoas mortas no Paquistão nas últimas semanas.

A precipitação é difícil de prever e varia muito, mas os cientistas acreditam que as alterações climáticas estão a tornar as monções mais fortes e mais erráticas, refere a Lusa.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project