Agenda cultural

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Com um leque de atividades Santa Catarina comemora os seus 188 anos de município 16 Novembro 2022

O dia do município de Santa Catarina celebra-se a 25 de novembro, mas até la serão realizadas várias atividades culturais em celebração da data. O pontapé de saída se dá com a Exposição e Workshop Pintura e Artes Plásticas, nesta quarta-feira, dia 16 de novembro, prolongando-se até dia 24, na Zona Pedonal, entre às 10H e às 18:00.

Com um leque de atividades Santa Catarina comemora os seus 188 anos de município

Segundo uma nota do Gabinete de Comunicação e Imagem da Câmara Municipal, a exposição será do encargo do artista plástico congolês Elsie Mafouta, e o Workshop é direcionado para aspirantes às artes da pintura e do grafite.

No dia 18 e 19 acontece o Festival de Nha Santa Catarina, que este ano regressa ao Estádio de Cumbém com atuações de grandes artistas.

A mesma fonte destaca que haverá a presença de artistas do festival na Zona Pedonal para contacto com os fãs, no dia 17, pelas 12:00, junto ao Centro Cultural. Com a rubrica “Venha Tirar uma Selfie” os fãs são aguardados por uma sessão de autógrafos pelos artistas Fidjus Di Code Di Dona, PCC, Du Marthaz, Soraia Ramos, MC Acondize, Zé Mário Bulimundo, Tikai, Josslyn, Jennifer Dias, Big Z, Leo Pereira e talentos locais.

Para o dia seguinte (18), na mesma hora e no mesmo lugar, é a vez dos Calema encontrarem-se com os fãs.

Dando seguimento às atividades, a organização dá conta que de 18 a 24 acontece no Centro Cultural Norberto Tavares a “Exposição Pedro Rolando dos Reis Martins In Memoriam” abrindo as portas às 16:30H no primeiro dia. Trata-se de uma viagem pela vida e obra de Pedro Martins, um militante santa-catarinense na luta contra o colonial fascismo, o mais novo preso político do Campo de Concentração do Tarrafal libertado no 1º de Maio de 1974, escritor e arquiteto, recentemente falecido.

Também de 18 a 24 a Zona Pedonal será palco da Feira de Artesanato, Gastronomia e Agronegócio, contando com 30 participantes. O objetivo é a promoção dos artesãos locais e da ilha de Santiago, da gastronomia tradicional e dos empreendedores do agronegócio.

Conforme a organização, as atividades não param por aí. De 22 a 27, acontece a Mostra do Filme Ambiental, uma itinerância entre Assomada, Engenhos, Rincão e Ribeira da Barca, com o timbre da Associação de Cinema e Audiovisual e que tem como objetivo a sensibilização ambiental.

Também no dia 22, pelas 19:00, a Praça Central acolhe o Desfile de Moda Africana. E no dia seguinte a localidade de Cruz Grande recebe, a partir das 20:00, o Festival de Batuco e Funaná.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project