ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Confirmada visita de Hillary Clinton a Cabo Verde 28 Julho 2009

Hillary Clinton visitará Cabo Verde nos dias 13 e 14 do próximo mês, tendo como ponto principal da sua agenda a inserção das mulheres africanas na economia mundial.
Outro aspecto a ser analisado é a segurança na região subsaariana, inclusive o de incumbir ao Governo de Cabo Verde a responsabilidade de buscar soluções para os conflitos em África. Informações prestadas pela embaixadora dos EUA e o ministro dos Negócios Estrangeiros de Cabo Verde, que convocaram a imprensa para falar sobre a visita da secretária de Estado americana a Cabo Verde.

Confirmada visita de Hillary Clinton a Cabo Verde

Falando do carro-chefe na agenda desta visita de Hilary Clinton a África- o AGOA-, a embaixadora dos EUA em Cabo Verde, Marianne Myles, considerou que este que é o principal programa de Cooperação Económica e Comercial EUA-África Subsaariana ainda não deu grandes benefícios a Cabo Verde, mas deixou uma visão ampla das intenções de Cabo Verde para com AGOA.

Renovação do MCA

E num outro registo Myles fala, também, da renovação do programa Milenium Chalenge Account (MCA), que significa muitos benefícios para Cabo Verde, abrindo o país para um futuro de melhores melhores condições sócio–económicas. “ É um programa muito bom, que dá muitas oportunidades, e Cabo Verde tem possibilidades de aproveitar esta oportunidade para o futuro”, prognostica Myles.

Já para o ministro dos Negócios Estrangeiros cabo-verdiano, José Brito, há uma real possibilidade de o governo norte-americano rectificar o programa MCA-CV, apesar da crise que afecta o mundo e dos vários pedidos que EUA recebe neste sentido.

Brito afirma que "Cabo Verde é o único país do mundo com um programa MCA que vai cumprir a tempo e na totalidade os projectos acordados com o programa". Já para a embaixadora norte-americana a visita de Hillary não dará respostas concretas sobre o assunto.

Cabo Verde actor da política externa

José Brito sublinhou que Cabo Verde sempre esteve na agenda politica dos Estados Unidos da América. E acha que a visita de Hillary Clinton vem confirmar o papel de Cabo Verde como um dos actores da política externa, sobretudo em África.

O facto da Secretária de Estado americana incluir este pequeno país no seu périplo por África é também o reconhecimento do bom funcionamento da nossa democracia, e da boa governação que tem Cabo Verde, diz o MNE. Mais, "a visita de Clinton é prova de que Cabo Verde está a chegar a um nível de relações que ultrapassa a rotina".

Deportados, questão sensível

A questão dos deportados, "um dossier sensível", será igualmente discutida durante a visita de Hillary a Cabo Verde, bem como outros assuntos ou acordos existentes entre os dois países, assegura ao “asemanaonline” o ministro dos Negócios Estrangeiros, José Brito.

NG / NMC

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade



Mediateca
Cap-vert

blogs

Newsletter

Abonnement

Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project