SOCIAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Praia: Natal com fraco movimento de compras 24 Dezembro 2021

A época natalícia sempre foi marcada por uma forte movimentação de pessoas nas ruas da Capital. Mas este ano, segundo os ouvidos por este jornal, o movimento de compras está um pouco fraco, isto devido ao impacto negativo da crise provocada pela covid-19. Por isso, perspectivam que o consumo seja menos acentuado pelas diferentes famílias.

Praia: Natal com fraco movimento de compras

Conforme apurou a reportagem deste jornal, as pessoas consideram que a pandemia de covid-19 poderá ser uma das causas para essa diminuição do poder de compras, já que com essa doença muitas pessoas perderam o emprego e consequentemente o seu rendimento - muitos tenta economizar para liquidar dívidas feitas durante o período da pandemia.

Este ano, as lojas chinesas, que costumavam estar superlotadas de pessoas nesta época do Natal, registam menos movimento nas compras. Quam, que é proprietário de um estabelecimento local, informou a este jornal que este ano o movimento está mais fraco do que nos anos anteriores. Segundo ele, antes registava-se muito mais pessoas a comprar presentes por Natal.

No entanto, uma vendedeira do mercado do Plateau disse à nossa reportagem que as vendas estão indo «mais ou menos».

Corrobora a mesma opinião a sua colega Nita, que vende roupas e calçados na zona do Palmarejo, alertando que a venda sempre melhora nas vésperas e no próprio dia de Natal.

Conforme apurou ainda o Asemanaonline, de um modo geral, o movimento de pessoas e turistas nas ruas do Plateau está longe de ser como noutros tempos em que havia sempre um grande fluxo de pessoas por ocasião da festa do Natal na Capital cabo-verdiana. Any Estagiária/Redação

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project