MUNDO INSÓLITO

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Coreia do Norte: Quem substitui Kim Jong-Un? Kim Yo-Jong 27 Abril 2020

Kim Yo-Jong, de 31 anos, a irmã de Kim Jong-Un estará a dirigir o país desde que o Supremo Líder deixou de ser visto em público há duas semanas. Desde o dia 12 em que a agência noticiosa oficial KCNA publicou a foto de Kim Jong-Un e alegadamente o mesmo dia em que teria sido operado ao coração.

Coreia do Norte: Quem substitui Kim Jong-Un? Kim Yo-Jong

Kim Yo-Jong desde 2014, quando o irmão a promoveu a diretora-adjunta do departamento de Informação do Partido Trabalhista, que se perfila como a possível segunda figura política da república comunista fundada pelo avô Kim Il-Sung, em 1948.

Os dois últimos dos cinco (ou sete?) filhos de Kim Jong-Il são os únicos que têm a mesma mãe. Isto, segundo analistas, explicará a proximidade entre os dois e que pode favorecer a sucessão, dados os problemas de saúde que acompanham, desde 2014, o chefe de Estado.

O sistema dinástico adotado pela Coreia do Norte torna plausível a análise quando se sabe que a filha de Kim nasceu em 2013.

Em caso de morte prematura de Kim, a filha estaria na situação em que o próprio Kim esteve até 2011. Sucessor do pai, quem assumiu a condução da Coreia do Norte foi o tio. O mesmo que foi executado por alta traição no ano seguinte àquele em que Kim assumiu a presidência.

"Morte cerebral" aos 30 e … de novo aos 36 anos

O secretismo da Coreia do Norte parece "autorizar" as ’fake news’, a mais recente pela estação de televisão NBC, americana, que noticiou na segunda-feira, 20, a "morte cerebral" de Kim Jong-Un, na peugada da CNN que, horas antes, tinha noticiado que estava "em perigo de vida".

A mesma notícia, sobre a "morte cerebral", tinha circulado em 2014, durante os quarenta dias em que Kim deixou de ser visto. O chefe de Estado norte-coreano ’reapareceu’ apoiado numa bengala e a imprensa oficial explicou que tinha sido operado ao tornozelo.

Peso-pesado e fumador

A imprensa sul-coreana cita fontes oficiais do gabinete do presidente sul-coreano, Moon Jae-In, que afirmam: "É óbvio que Kim não goza de boa saúde e é possível que tenha sido submetido a uma cirurgia. Mas nada nos diz que ele não esteja em funções".

Fontes: Referidas/ Le Monde/. Fotos: Kim Jong-Un, na foto da KCNA de 12 de abril. A irmã Kim Yo-Jong.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project