ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Covid-19: Cabo Verde com 10 milhões de dólares do Banco Mundial para vacinar 130 mil pessoas 10 Julho 2021

O Banco Mundial anunciou hoje a aprovação de um financiamento adicional de 10 milhões de dólares a Cabo Verde, através da Associação Internacional de Desenvolvimento (IDA), para a compra de vacinas contra a covid-19 para 130 mil pessoas.

Covid-19: Cabo Verde com 10 milhões de dólares do Banco Mundial para vacinar 130 mil pessoas

Em comunicado, o Banco Mundial refere tratar-se de um apoio para permitir um acesso “seguro e equitativo” às vacinas contra a covid-19, assegurando uma “vacinação eficaz em Cabo Verde”.

“O Projeto de Resposta de Emergência Covid-19 de Cabo Verde ajudará a reforçar ainda mais o sistema de vacinação e os sistemas nacionais de preparação em matéria de saúde pública”, lê-se no comunicado.

O Governo cabo-verdiano estabeleceu a meta de vacinar pelo menos 70% da população adulta contra a covid-19 ainda este ano, cobertura que atualmente ronda os 25%.

Citada no comunicado, a representante residente do Banco Mundial em Cabo Verde, Eneida Fernandes, recordou que Cabo Verde já tinha sido o primeiro país africano a beneficiar de um apoio daquela instituição internacional, de cinco milhões de dólares (4,2 milhões de euros), atribuído em fevereiro deste ano para a compra de 200 mil doses de vacinas.

“Apesar do forte empenho do Governo, a disponibilidade de vacinas tem sido um enorme constrangimento. A vacinação em Cabo Verde é crucial para a retoma do turismo e, consequentemente, para a recuperação económica do país, gravemente afetado pela pandemia com uma contração do PIB [Produto Interno Bruto] de 14,8% em 2020", disse Eneida Fernandes.

Este novo financiamento, de 10 milhões de dólares (8,4 milhões de euros), “ajudará” o Governo cabo-verdiano a atingir a sua meta nacional de vacinação de 70% da população até dezembro de 2021, “através do apoio à aquisição e distribuição de doses adicionais de vacinas covid-19 para cerca de 130.000 pessoas”.

Com este financiamento adicional, o apoio fornecido pelo Banco Mundial através do Projeto de Resposta de Emergência Covid-19 de Cabo Verde ascende já a 20,94 milhões de dólares (17,6 milhões de euros).

“O Banco Mundial, consciente do seu papel como uma das maiores fontes de financiamento dos países em desenvolvimento, está a tomar medidas amplas e eficazes para ajudar os países em desenvolvimento a responder aos efeitos sanitários, sociais e económicos da covid-19. Estas medidas incluem um envelope de 12 mil milhões de dólares para ajudar a comprar e distribuir vacinas, testes e tratamentos covid-19, bem como para reforçar os sistemas de imunização”, conclui a instituição. A Semana com Lusa

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project