ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Covid-19: Cabo Verde recebe esta sexta-feira o primeiro lote da vacina- Governo 12 Mar�o 2021

Cabo Verde vai receber esta sexta-feira o primeiro lote da vacina contra a Covid-19, ao abrigo da iniciativa Covax, anunciou hoje o Governo.

Covid-19: Cabo Verde recebe esta sexta-feira o primeiro lote da vacina- Governo

Segundo uma nota do Governo, o acto de recepção das primeiras vacinas decorre no aeroporto internacional Nelson Mandela, às 02H00 de madrugada, e será presenciado pelo primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, acompanhado do ministro da Saúde e da Segurança Social e parceiros internacionais de desenvolvimento de Cabo Verde.

O documento explica que a chegada das vacinas é “resultado de um grande trabalho de mobilização do Governo, com comprometimento e sentido de responsabilidade, em colaboração com os parceiros internacionais de desenvolvimento”.

A mesma nota informa ainda que no domingo, 14, vai ser realizado um acto para assinalar, de forma oficial, a chegada das vacinas e anunciar o arranque da campanha de vacinação a nível nacional.

O evento, a ser presidido por Ulisses Correia e Silva, no Palácio do Governo, vai contar com a presença, via plataforma zoom, do presidente da Aliança Global das Vacinas, Durão Barroso.

O Governo, segundo a Resolução nº 18/2021 publicado no BO nº19 de 18 de Fevereiro, aprovou o Plano Nacional de Introdução e Vacinação contra a Covid-19, orçado em 2 454 504 dólares com a pretensão de vacinar até 2023 um total de 60% da população.

A vacinação, que será gratuita para todos, tem como objectivo, segundo o Palácio da Várzea, imunizar os cabo-verdianos da doença, pelo que o Ministério da Saúde e Segurança Social, através do COVAX Facility, fará a aquisição de todas as vacinas contra a covid-19 com “reconhecidas eficácia e segurança,” aprovadas segundo a autorização temporária de uso emergencial da OMS (EUL).

Conforme o Plano Nacional de Introdução e Vacinação contra a covid-19 são priorizados na primeira fase profissionais de saúde, pessoas com doenças crónicas (hipertensão arterial, diabetes), população com e mais de 60 anos, profissionais hoteleiros e ligados ao turismo, profissionais dos pontos de entrada (aeroportos e portos internacionais), professores e pessoal de apoio nas escolas, Polícia Nacional, Forças Armadas e Serviço Nacional de Protecção Civil e Bombeiros.

Numa primeira vaga, indica o documento, serão vacinados todos os profissionais de saúde, com o objectivo de manter e proteger a força de trabalho e serviços essenciais de saúde.

De acordo com o documento publicado no BO, numa primeira fase pretende-se vacinar 4.272 profissionais de saúde, como uma média de 8.544 vacinas, 24.500 doentes crónicos (hipertensão arterial e diabetes) com 49 mil doses de vacina, 40 mil população com e mais de 60 anos com 80 mil doses, 11.280 profissionais hoteleiros e ligados ao turismo com 22.560 e 1.500 profissionais dos pontos de entrada internacionais (aeroportos e portos) com 3 mil doses de vacina.

Em Cabo Verde, os primeiros casos de Covid-19 surgiram a 19 de Março na ilha da Boa Vista.

Até quarta-feira, 10, o País contabilizava 15.236 casos recuperados, 488 casos activos, 155 óbitos.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.621.295 mortos no mundo, resultantes de mais de 117,9 milhões de casos de infecção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detectado no final de Dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China. A Semana com Inforpress

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project