ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Covid-19: Cabo Verde regista 15 novos casos positivos em 24 horas 20 Julho 2021

Cabo Verde registou mais 15 novos casos positivos de infeção pelo novo coronavírus nas últimas 24 horas, elevando para 33.317 o acumulado de infetados no país desde o início da pandemia, anunciou hoje o Ministério da Saúde.

Covid-19: Cabo Verde regista 15 novos casos positivos em 24 horas

Em comunicado, aquele ministério cabo-verdiano adiantou que do total de 746 amostras analisadas desde domingo, há mais 15 novos casos positivos de infeção para o novo coronavírus, o menor registo dos últimos 14 dias, numa taxa de positividade de 2%.

Os novos casos foram diagnosticados na Praia (um), Santa Catarina de Santiago (dois), São Lourenço dos Órgãos (dois), Mosteiros (um), Santa Catarina do Fogo (um), Brava (um), Porto Novo (três) e Sal (dois).

O país registou mais um dia sem contabilizar óbitos associados à covid-19 e deu alta a mais 41 pessoas, passando a ter 32.496 casos considerados recuperados desde o início da pandemia.

Com os novos dados, o país aumentou para 33.317 o acumulado de infetados desde o início da pandemia, dos quais 295 resultaram em morte e há ainda 506 casos ativos.

Em conferência de imprensa semanal de ponto de situação da covid-19 em Cabo Verde, o diretor nacional de Saúde, Jorge Noel Barreto, disse que foram registados 16 casos suspeitos e há oito pessoas internadas nos hospitais de Cabo Verde.

Nos últimos 14 dias, o porta-voz do Governo deu conta que a taxa de positividade foi de 3,7%, menor que o mesmo período anterior, que foi de 5,7%.

Por isso, disse que o país continua a ter uma “tendência para melhoria” da situação epidemiológica, com uma taxa abaixo de 4%, o que é desejável, e espera que continue assim ou mesmo que melhore.

Jorge Barreto destacou igualmente melhorias no que diz respeito ao número de óbitos, que foi de 45 em maio e 29 em junho, enquanto até agora em julho já foram contabilizadas nove mortes, dos quais cinco eram pessoas que ainda não tinham recebido pelo menos uma dose das vacinas contra a covid-19.

“É algo que gostávamos de realçar por causa da importância da vacinação, que reduz consideravelmente o risco de complicações e de mortes”, salientou aquele profissional de saúde cabo-verdiano.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 4.093.263 mortos em todo o mundo, entre mais de 190,3 milhões de casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o balanço mais recente da agência France-Presse.

A doença respiratória é provocada pelo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019 em Wuhan, cidade do centro da China, e atualmente com variantes identificadas em países como o Reino Unido, Índia, África do Sul, Brasil e Peru. A Semana com Lusa

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project