REGISTOS

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Covid-19: Esperança nova é ’Molnupiravir’ — Antiviral oral atua sobre infeção em 24 H 06 Abril 2021

O ’Molnupiravir’, antiviral desenvolvido pela parceria farmacêutica Ridgeback Biotherapeutics LP e Merck & Co, está na sua 2ª fase de testes e os resultados são prometedores: em 24 horas reduz a infeção.

Covid-19: Esperança nova é ’Molnupiravir’ —  Antiviral oral atua sobre infeção em 24 H

Um estudo publicado na Nature Microbiology na semana passada revelou que o medicamento Monulpiravir pode – devido à sua atividade sobre o vírus anti-ARN de amplo espectro — impedir a transmissão da Covid, ao eliminar as partículas infecciosas das fossas nasais.

"Esta é a primeira demonstração de que um fármaco disponível por via oral pode bloquear rapidamente a transmissão do SARS-CoV-2", explicou o médico Richard Plemper, líder da investigação.

As viroses respiratórias, como a gripe e agora a Covid-19, são difíceis de tratar porque exigem um tratamento imediato mal surjam os sintomas. Senão, dá-se um processo pelo qual o sistema imunitário prolonga a duração da doença e aumenta a sua periculosidade.

Os antivirais respiratórios devem idealmente ser administrados ou como preventivo ou como tratamento imediato após a transmissão do vírus. Pelas suas caraterísticas, o ’Molnupiravir’ revela-se um fármaco que pode vir a aliviar a atual crise mundial de coronavírus — que desde dezembro de 2019 até esta segunda-feira, 5, totaliza 131.965.495 infeções e 2.867.083 óbitos. Cabo Verde na 128ª posição conta 17. 871 infeções e 173 óbitos, com uma taxa de letalidade de 309 (87ª posição mundial e 4ª na África subsaariana)
.

Fontes: Nature Microbiology/Times of India/Sites institucionais/Worldometers. Fotos: Muitas esperanças no antiviral ’Molnupiravir’. A fábrica em Danville na Pensilvânia.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project