ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Covid-19: Movimento nos aeroportos de Cabo Verde caiu 99,5% em abril 08 Maio 2020

Os aeroportos de Cabo Verde registaram em abril um mínimo histórico no movimento, com apenas 1.201 passageiros, uma quebra de 99,5% face a 2019, devido à pandemia de covid-19, segundo dados da empresa pública ASA.

Covid-19: Movimento nos aeroportos de Cabo Verde caiu 99,5% em abril

De acordo com um boletim de tráfego, de abril, da empresa pública Aeroportos e Segurança Aérea (ASA), ao qual a Lusa teve hoje acesso, os 1.201 passageiros – embarques, desembarques e em trânsito -contabilizados contrastam com os 231.943 de abril de 2019 (-99,5%). Foram movimentados apenas 551 passageiros (partidas e chegadas) no tráfego doméstico de abril (-99,2%) e 650 passageiros (partidas e chegadas) no tráfego internacional (-99,6%).

Por decisão do Governo, desde 19 de março que os aeroportos cabo-verdianos estão encerrados a ligações internacionais, para conter a pandemia de covid-19, sendo apenas autorizados voos de repatriamento. Com a declaração do primeiro período de estado de emergência, em 29 de março, todas as ligações interilhas foram também suspensas.

Segundo a mesma fonte, em abril, os aeroportos de Cabo Verde receberam apenas 291 aviões (chegadas e partidas), quando no mesmo mês de 2019 o total foi de 2.688, traduzindo-se numa quebra homóloga de 89,2%. Os aeroportos cabo-verdianos receberam, de janeiro a abril, 637.219 passageiros (-34,2%) e 8.434 aeronaves (-25,9%).

Impulsionados pelo turismo - quase 820 mil turistas no ano passado -, os aeroportos de Cabo Verde registaram, prossegue a mesma agência, um novo recorde histórico de 2.771.931 passageiros em 2019, motivado pelo crescimento do tráfego internacional, apesar da quebra nos movimentos domésticos, segundo relatório anterior da ASA.

Cabo Verde tem quatro aeroportos internacionais, nas ilhas de Santiago, do Sal, da Boa Vista e de São Vicente, e três aeródromos, nas ilhas de São Nicolau, Maio e Fogo, todos operados pela ASA.

Cabo Verde conta com 191 casos de covid-19 diagnosticados desde 19 de março, dois óbitos e 38 doentes recuperados. Permanecem ativos, em isolamento hospitalar, 128 doentes com covid-19 na Praia e dois no Tarrafal (ilha de Santiago), e 19 na ilha da Boa Vista.

Cabo Verde vive atualmente o terceiro período de estado de emergência, decretado pela primeira vez em 29 de março pelo Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, mas agora, e até às 24:00 de 14 de maio, apenas nas ilhas de Santiago e da Boa Vista, que concentram os casos de covid-19 no arquipélago.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 260 mil mortos e infetou cerca de 3,7 milhões de pessoas em 195 países e territórios, conclui a Lusa.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project