ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Covid-19: Presidente da República e primeiro-ministro fazem comunicação conjunta ao país 04 Janeiro 2022

O Presidente da República, José Maria Neves, e o primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, fazem esta quarta-feira, 05, uma comunicação conjunta ao país, informou em nota de imprensa o gabinete de comunicação do Governo.

Covid-19: Presidente da República e primeiro-ministro fazem comunicação conjunta ao país

O documento não adianta o tema da comunicação, mas indica que as intervenções dos Chefes de Estado e do Governo, a serem feitas às 10:00 a partir do Centro de Convenções da Universidade de Cabo Verde (Uni-CV), serão antecedidas pela apresentação da situação epidemiológica do país.

Esta segunda-feira, 03, o director nacional da Saúde, Jorge Noel Barreto, apontou para um cenário de “descontrolo da situação epidemiológica” em Cabo Verde, por conta do “aumento exponencial” de novos casos de covid-19.

Jorge Noel Barreto adiantou que, neste momento, a taxa de incidência acumulada, a nível nacional, é de 810 por 100 mil habitantes.

Nos últimos 14 dias, ou seja, de 20 de Dezembro até 02 de Janeiro, apontou, foram analisadas um total de 21.481 amostras, correspondente a uma média diária de 1.534 amostras, o que permitiu identificar um total de 4.562 casos novos, uma média de 326 casos novos por dia, e uma taxa de positividade de 21,2%.

Entretanto, segundo Jorge Noel Barreto, nos 14 dias anteriores, ou seja, de 06 a 19 de Dezembro, foi analisado um total de 7.706 amostras, uma média de 550 amostras analisadas diariamente, permitindo identificar 139 casos novos, uma média de 10 casos novos por dia e uma taxa de positividade de 1,8%.

“Entre esses dois períodos houve um aumento da taxa de positividade em cerca de 12 vezes mais comparativamente”, completou o responsável, avançando que a taxa de transmissibilidade a nível nacional está em 2,52, significando que cada pessoa infectada com covid está a infectar quase três pessoas.

“Há de facto uma transmissão comunitária sustentada sem dúvida (…) em termos de casos novos, houve um aumento em cerca de oito vezes mais em relação à semana do Natal com a semana do fim do ano que nós acabamos de terminar. De facto, há aqui um descontrolo da situação epidemiológica”, frisou.

Hoje o Instituto Nacional da Saúde Pública (INSP) precisou que 87 por cento (%) das cerca de trezentas amostras enviadas ao Instituto Pasteur, de Dakar, confirmaram a presença da variante Ómicron em Cabo Verde.

“O aumento exponencial de casos de covid-19 verificado no país, nos últimos dias, fez suspeitar da circulação da variante Ómicron. Há menos de uma semana, foram enviadas para esse laboratório, cerca de trezentas amostras, das quais foram processadas 202 que confirmaram a presença da variante Ómicron em 87% das amostras processadas”, avançou a mesma fonte.

O Instituto Nacional de Saúde Pública alerta que a variante Ómicron é mais contagiosa do que as variantes anteriores, pelo que, reforça o apelo a toda a população cabo-verdiana para uma adesão massiva à vacinação e a redobrar os esforços na implementação das medidas preventivas. A Semana com Inforpress

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project