AUTÁRQUICAS 2020

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Covid-19: Proteção Civil de Cabo Verde pede cumprimento de medidas na campanha eleitoral 08 Outubro 2020

O presidente da Proteção Civil de Cabo Verde alertou hoje as candidaturas às eleições autárquicas de 25 de outubro para a obrigatoriedade do “rigoroso cumprimento” das medidas de prevenção da covid-19 durante a campanha eleitoral.

Covid-19: Proteção Civil de Cabo Verde pede cumprimento de medidas na campanha eleitoral

Em conferência de imprensa na cidade da Praia, Renaldo Rodrigues disse que as autoridades têm estado a verificar “algum incumprimento” no período de pré-campanha eleitoral, bem como “algum desleixo e relaxamento” relativamente às normas.

“São situações que nós, de certa forma, fomos apanhados um pouco de surpresa, tendo em conta que a campanha eleitoral ainda não iniciou, e temos estado a ser surpreendidos com situações pontuais, com eventos não programados, e que de certa forma têm dificultado uma atuação mais atempada”, reconheceu.

Renaldo Rodrigues garantiu que, juntamente com as demais instituições, a Proteção Civil está a reajustar para estar mais atenta a partir de hoje, principalmente junto às sedes de campanha, já que a campanha eleitoral arranca na quinta-feira.

Entre as atitudes constatadas, o presidente da Proteção Civil de Cabo Verde destacou as aglomerações, em passeatas realizadas em vários municípios e por todos os partidos e candidaturas, bem como aparelhos sonoros nas sedes de campanha, proibidas nesta altura de pandemia.

O responsável instou, por isso, os candidatos, simpatizantes e apoiantes das candidaturas e o público em geral ao “estrito cumprimento” das normas de segurança sanitária em vigor.

O presidente do Serviço Nacional de Proteção Civil e Bombeiros (SNPCB) lembrou que as diferentes candidaturas se comprometeram a respeitar e zelar pelo cumprimento de um código de conduta sobre todas as medidas de segurança sanitária e de proteção individual, e que eventuais incumprimentos serão sancionados.

“Assim, na observância do princípio de precaução em saúde pública e atentos ao imperativo de garantir o cumprimento das normas em vigor, as autoridades sanitárias e de fiscalização irão intervir de forma efetiva e sem reservas sempre que assim se justifique, podendo inclusivamente obrigar ao encerramento de atividades nas situações mais gravosas e que põem em causa a saúde pública”, afirmou Renaldo Rodrigues.

Numa mensagem divulgada hoje, o Presidente da República Jorge Carlos Fonseca pediu aos candidatos às eleições autárquicas de 25 de outubro que respeitem as recomendações das autoridades de saúde.

Cabo Verde realiza em 25 de outubro as suas oitavas eleições autárquicas, num contexto de 6.624 casos confirmados de covid-19 diagnosticados desde 19 de março e 79 óbitos associados à doença, no mesmo período.

As anteriores autárquicas, votação em que são escolhidos os autarcas dos 22 municípios de Cabo Verde, decorreram em 04 de setembro de 2016.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de um milhão e cinquenta e um mil mortos e mais de 35,8 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China. A Semana com Lusa

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project