ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Covid - 19 em Cabo Verde: Seis casos suspeitos em Santiago e dois doentes a exigirem cuidados médicos redobrados 19 Maio 2020

Cabo Verde registou, hoje, mais seis casos suspeitos de Covid-19 em Santiago e conta com dois doentes que estão a exigir cuidados redobrados na Unidade de Cuidados Intensivos do Hospital Agostinho Neto, na Praia. A informação foi avançada, esta tarde, pelo Diretor Nacional de Saúde (DNS), durante o encontro com a imprensa, que decorreu no Palácio do Governo, mas que estava suspenso, nos últimos dois dias, por causa da manutenção do laboratório da virologia da Capital.

Covid - 19 em Cabo Verde: Seis casos suspeitos em Santiago e dois doentes a exigirem cuidados médicos redobrados

Por causa desta situação, Artur Correia informou que os resultados de testes estão ainda por sair. Indicou que se registou, hoje, seis casos suspeitos em Santiago, sendo um na Praia e cinco no Concelho de Santa Cruz, todos de contatos com o primeiro caso local de infetado registado no final da semana passada.

O Diretor Nacional de Saúde revelou que o país conta agora com um total de 238 internados pelo novo coronavírus, sendo 233 dos quais no concelho da Praia. « Os casos mais diferentes (com sintomas), num total de sete, estão isolamentos no Hospital Agostinho Neto. Temos dois pacientes que estão a exigir cuidados redobrados por parte da equipa médica», asseverou a mesma fonte.

É de salientar que um doente da Praia, de 65 anos e que tinha outras complicações, faleceu, anteontem, naquele centro hospital por Covid - 19, elevando assim para segunda morte pela doença na Capital. Esta última foi uma mulher de mais de 90 anos, de Achada de Santo António.

Artur Correia assegurou, por outro lado, que 417 pessoas estão em quarentena: 249 na Praia, 75 em Santa Cruz, 10 em São Lourenço dos Órgãos, 09 no Tarrafal de Santiago, 18 em São Domingos da mesma ilha, 18 em São Vicente e 19 na Boa Vista.

Testes negativos na Cadeia da Praia

Questionados sobre testes rápidos realizados a pessoal da Cadeia de São Martinho que deram positivos, o Diretor Nacional de Saúde informou que mais de 90 por cento dos quais já submetidos a testes de diagnósticos (PCR) deram negativos. Assegurou a mesma fonte que só faltam duas amostras para serem examinadas.

O DNS avançou ainda que já foram realizados pelo menos 2.700 testes rápidos, abrangendo grupos de riscos, com destaque para profissionais de saúde, forças de defesa e segurança, guardas prisionais e empregados de algumas empresas. Disse que a DNS vai alargar estes testes pelos bairros para se detetar o nível da circulação do vírus da Covid -19 e isolá-los com vista à sua contenção. No Concelho da Praia, precisou que as zonas mais afectadas pela pandemia de novo coronavírus são, por ordem decrescente, Vila Nova/Moinhos, Ponta d’Água, Eugénio Lima, Achada Grande, Achada de Santo António e Cobon/Ribeira de Tira chapéu.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project