INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Covid EUA: Expectativa sobre Sputnik-V perante menor eficácia das vacinas aprovadas nos coronavírus mutantes 03 Fevereiro 2021

A alta transmissibilidade da variante britânica faz temer sobre a eficácia das vacinas da AstraZeneca, Moderna, Pfizer, dado que um estudo recente aponta que a rápida propagação dos vírus mutantes dificulta as medidas para os combater, tornando-os vacino-resistentes. Os países com mais casos e óbitos — como os EUA, Portugal — estão a olhar para a vacina russa "com 91% de eficácia", destaca hoje o ’New York Times’.

Covid EUA: Expectativa sobre Sputnik-V perante menor eficácia das vacinas aprovadas nos coronavírus mutantes

Há cinco meses a Rússia aprovou a vacina Sputnik-V e começou a administrá-la, por entre a esperança de alguns e dúvidas de muitos, a nível mundial. Esta segunda-feira um estudo "comprovadamente científico" garante que "a vacina russa" tem uma eficácia de 91,6%. Fontes: AP/NY Times.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project