SOCIAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Crime que mancha a magem do Estado: Inspetor da Polícia Judiciária detido por indícios de crimes de colaboração com associação criminosa de tráfico de drogas, corrupção e extorsão 08 Julho 2021

Está a ser notícia do dia que um inspetor da Polícia Judiciária (PJ) foi detido, esta quarta-feira, 07, fora de flagrante delito, na cidade da Praia. Tudo por estar fortemente indiciado na prática de crimes de aderência e colaboração com uma associação criminosa para o tráfico de produtos estupefaciente e lavagem de capitais, corrupção e extorsão. O caso tem imapacto negativo na imagem do Estado de Cabo Verde e da PJ em particular, cujo desempenho tem sido notável no país.

Crime que mancha a magem do Estado: Inspetor da Polícia Judiciária detido por indícios de crimes de colaboração com associação criminosa de tráfico de drogas, corrupção e extorsão

De acordo com a Polícia Judiciária, o inspetor desta instituição, de 43 anos, foi detido, fora de flagrante delito, na Praia,por este estar fortemente indiciado na prática de crimes de Aderência e Colaboração com Associação Criminosa para o Tráfico de produtos estupefacientes e Lavagem de Capitais, Corrupção e Extorsão.

Está a ser notícia do dia que um inspetor da Polícia Judiciária (PJ) foi detido, esta quarta-feira, 07, fora de flagrante delito, na cidade da Praia. Tudo por estar fortemente indiciado na prática de crimes de aderência e colaboração com uma associação criminosa para o tráfico de produtos estupefaciente e lavagem de capitais, corrupção e extorsão. O caso tem impacto negativo na imagem do Estado de Cabo Verde e da PJ em particular, cujo desempenho tem sido notável no país.

Segundo a Polícia Judiciária, o inspetor desta instituição, de 43 anos, foi detido, fora de flagrante delito, na Praia, por este estar fortemente indiciado na prática de crimes de Aderência e Colaboração com Associação Criminosa para o Tráfico de produtos estupefacientes e Lavagem de Capitais, Corrupção e Extorsão.

A detenção foi efetuada através da Seção Central de Investigação de Corrupção e Criminalidade Económica e Financeira (SCICCEF), em cumprimento de um mandado do Ministério Público.

Em comunicado, a mesma fonte revela ainda que, na sequência do cumprimento de um mandado de busca à sua residência e gabinete de trabalho, foram apreendidos objetos de interesse para a investigação.

O detido será presente, esta quinta-feira, 08, ao Tribunal da Comarca da Praia para efeito do primeiro interrogatório judicial de arguido detido e aplicação de medidas de coação pessoal.

Este caso criminal que envolve o inspetor da PJ mancha a imagem do Estado de Cabo e da Policia Judiciária em particular. Isto não obstante o reconhecimento público do bom desempenho da instituição no cumprimento da sua missão para a qual foi criada.

Reação do governo e solidariedade aos membros do STJ

Reagindo à detenção do Inspector em causa, a ministra da Justiça disse, entre outros comentários, que isto mostra que ninguem está acima da lei. Joana Rocha falava à margem de uma visita efectuada ao Supremto Tribunal da Justiça, onde anunciou que foi prestar a solidariedade do governo para com os memebros desta instância judicial, na sequência do caso de fuga do acusado Arlindo Teixeira para a França com a ajuda do adgovado Amadeu Oliveira e dos supostos ataques contra o Estado de Direito.

A titular da pasta da Justiça referiu ainda das medidas já tomadas contra a morosidade judicial, com destaque para o reforço do funcionamento dos tribunais de pequena cuasa em Cabo Verde.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project