SOCIAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Criminalidade na Praia: Prisão preventiva e TIR para cinco acusados de agressão sexual a quatro crianças e uma adolescente 06 Outubro 2018

A onda da criminalidade na Praia continua a tirar sossego aos residentes da cidade e dos bairros periféricos. É que a Polícia Judiciaria anuncia que acaba de deter, nos últimos três dias, cinco jovens, suspeitos de terem cometido vários crimes de agressão sexual a quatro crianças de entre 5 e 10 anos e uma adolescente de 17 anos. O Tribunal da Praia decretou a prisão preventiva para quatro dos detidos e TIR-Termo de Residência e Identidade para o outro violador de menor.

Criminalidade na Praia: Prisão preventiva e TIR para cinco acusados de agressão sexual a quatro crianças e uma adolescente

Em comunicado, a Polícia Judiciária informa que, através da Secção de Investigação de Crimes Contra Pessoas – Brigada de Crimes Sexuais – deu a voz de prisão, em cumprimento de mandados do Ministério Público e fora de flagrante delito, entre os dias 1 e 3 de outubro, a cinco indivíduos do sexo masculino, com idades compreendidas entre os 17 e os 29 anos, suspeitos da prática de vários crimes de agressão sexual a menores.

Segundo a mesma fonte, o primeiro caso, ocorrido na segunda-feira, 01, tem como vítimas três crianças, que na altura dos factos contavam com 5, 9 e 10 anos de idade. «Os alegados agressores, são irmãos das vítimas», lê-se na nota.
A PJ revela que os detidos, de 17 e 24 anos, foram presentes, no dia 2 de outubro, às autoridades judiciárias competentes, para efeito do primeiro interrogatório judicial de arguidos detidos e aplicação de medidas de coação, tendo-lhes sido aplicados a prisão preventiva.

No mesmo dia, foi, conforme indica a judiciária, detido, pela mesma brigada, um indivíduo, de 19 anos, por haver fortes indícios da prática de um crime de agressão sexual com penetração, contra uma menor de 10 anos.

Presente às autoridades judiciárias competentes, depois do primeiro interrogatório judicial de arguido detido e aplicação de medidas de coação, foi lhe aplicado o TIR –Termo de Identidade e Residência.

Mas os casos da criminalidade na Praia não ficam por aí. A última das detenções se deu, segundo a PJ, na quarta-feira, 03, sendo os suspeitos, dois indivíduos, de 18 e 29 anos, acusados da prática de um crime de agressão sexual com penetração. «O crime terá ocorrido na noite do dia 28 para 29 do mês de julho de 2018, no bairro de Achada Santo António, quando a vítima, de 17 anos, saía de uma festa», acrescentou o comunicado da PJ.

O documento conclui que os detidos foram presentes, no mesmo dia, às autoridades judiciárias competentes, para efeito do primeiro interrogatório judicial de arguido detido e aplicação de medidas de coação, tendo-lhes sido aplicado a Prisão Preventiva.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade



Mediateca
Cap-vert

blogs

Newsletter

Abonnement

Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project