DESPORTO

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Cristiano Ronaldo agraciado com arquivamento de acusação de Kathryn Mayorga — Apelo possível 12 Junho 2022

Treze anos depois, a acusação de Kathryn Mayorga contra Cristiano Ronaldo que em 2019 subiu do tribunal estadual para o federal acaba arquivada. Segundo o Tribunal Federal da Nevada decidiu nesta sexta-feira 10, o advogado da queixosa atuou "de má-fé" pelo "uso contínuo de documentos" roubados e que caíram na Internet mediante uma fuga de informação.

 Cristiano Ronaldo agraciado com arquivamento de acusação de Kathryn Mayorga — Apelo possível

A Associated Press lembra que a decisão do tribunal de Las Vegas é passível de recurso para uma nova instância, em San Francisco.

Recorde-se que em 2009, Kathryn Mayorga denunciou o português Cristiano Ronaldo que a teria violado num hotel de Las Vegas. Com os advogados das partes a chegarem a acordo, Ronaldo pagou 375 mil dólares (38,37 milhões CVE). A queixa acabou arquivada. para não prejudicar a iminente transferência para o Real Madrid.

Mas em 2018, ao retomar a acusação (num processo em que exige 65 milhões USD (6682 milhões CVE) de indemnização ), Kathryn Mayorga explicou que durante os nove anos seguintes esteve sob o efeito do trauma da violência sofrida(CR7 acusado tem apoio do Futebol, mas patrocinadores ’preocupados’ acautelam-se e FIFA descartou-o de 2019, 07.out.018).

Segundo a fonte deste jornal, o caso chegou ao Tribunal Federal da Nevada, como informou a advogada da queixosa na ocasião em que surgiram notícias (falsas) de que a queixa fora retirada. A advogada explicou que, por dificuldades em notificar o jogador — Cristiano deixou de pisar os Estados Unidos —, fora retirada a queixa a nível estadual para agilizar o processo a nível federal (K. Mayorga estraga férias: Advogados aconselham CR7 a não pisar Miami, 29.jun.019).

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project