AMBIENTE

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Dia Mundial da Alimentação — Tanto desperdício até chegar à mesa e depois 29 Setembro 2021

O ’Dia Internacional da Consciencialização sobre Perdas e Desperdício Alimentar ’, que se assinala hoje, põe o dedo na ferida ao indicar que o principal fator da gritante crise climática é a inconsciência que leva os 7,8 biliões de habitantes ’racionais’ do planeta a desperdiçar a cada segundo 80 toneladas de alimentos, anualmente 2,5 mil milhões de toneladas, com um terço da produção alimentar atirada ao lixo.

Dia Mundial da Alimentação — Tanto desperdício até chegar à mesa e depois

Um decálogo legado por avós e que os netos podem adaptar aos tempos atuais de consciencialização.

1º Lembra-te que o pão custa a ganhar. Ensina aos pequeninos que cada bocado que levam à boca tem um preço suado (literal ou metafórico, é bom que o saibam).

2º Planeia bem o que vais comprar. Lembra-te que "quem vive sem contas morre sem crédito". (Desculpem, marketeers/eiros, com plataforma de impulsos!, vão ter de mudar.)

3º Antes de encher o prato, convence-te de que ainda podes servir-te mais uma vez. (Vais descobrir que nem precisas da 2ª dose).

4º Tem um gesto compassivo para com os menos abonados, reduz 10 por cento das tuas necessidades diárias para esse fim. Isso não é ser esmoler mas sim socialmente responsável.

5º Respeita o teu meio, que ele te retribuirá: observa as pessoas à volta para perceber o que fazem de bom em termos ecológicos. Não te esqueças dos que contribuem para minar o viver comum e pensa: "Porquê o fazem e qual a solução?".

6º Respeita o teu meio, que se tornará o teu espelho: cuida do teu lixo como cuidas da tua toilette. (Não faças como os vizinhos que dos andares atiram o lixo para a rua, põem o lixo no chão fora do contentor; há outras formas de tratar os cães famintos.)

7º Cuida do teu lixo: há restos que ainda servem para a reciclagem. Não te envergonhes de ter em casa um contentor (uma família de quatro precisa de um de pelo menos 25 quilos). Destino: os criadores de animais (de acordo com as regras sanitárias de bom senso).

8º Junta-te aos esforços dos que procuram reciclar, mesmo se ainda não temos pontos de reciclagem.

9º Ama o teu meio, através de uma atitude mais localívora: come menos enlatados, menos empacotados, enfim menos processados. Não cedas à pressão do plástico —sim, é prático!, mas sê um pós-moderno que é um ser ecológico com um balòi na mão sempre que puder.

10º Contribui com estes dez gestos para o esforço cada vez mais em ’djuntamon’ mundial para "reduzir as emissões de gás de carbono com efeito serra".

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project