INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

EUA-Eleição presidencial de 2020: Joe Biden escolhe Kamala Harris "a primeira americana" 11 Agosto 2020

O candidato democrata Joe Biden prometeu que seria em agosto e aí está: de entre os treze nomes — e todos femininos — apostou no de Kamala Harris, que foi uma das suas adversárias nas Primárias.

EUA-Eleição presidencial de 2020: Joe Biden escolhe Kamala Harris

Contra as previsões que aqui fizemos há duas semanas (ver links, infra), Biden não escolheu Susan Rice, a diplomata de 55 anos, com quem tem afinidades, mas a senadora Kamala Harris, de 55 anos, com quem esgrimiu sobre tópicos divisivos como políticas de segurança, financiamento a programas sociais versus mais fundos para a polícia, etc.,

Durante meses a fio, foi o confronto entre duas alas democratas bem demarcada — até ela desistir em janeiro. Em março, expressou o seu apoio ao candidato moderado contra o socialista Bernie Sanders.

A senadora da Califórnia é filha de imigrantes, um jamaicano e uma indiana de cultura hindu. Na sua autobiografia, Kamala escreve que a mãe quis educá-la "como uma afroamericana, tal como a América espera".

Mas ela diz que sempre se sentiu bem com a sua identidade, que descreve simplesmente como "americana". Por isso, não surpreende que em 2019, numa entrevista ao Washington Post, a senadora da Califórnia se tenha insurgido ante a ideia de que os políticos têm de aceitar ser "compartimentados de acordo com a sua cor ou origens".

No seu estilo combativo, ela contrapôs ao jornalista: "Eu, sou quem sou. Estou bem com isso. Você pode precisar de processar isso, mas por mim estou ótima como sou".

Fontes: Associated Press /BBC/Washington Post... Relacionado: Biden tem 13 candidatas a vice-presidente — Rice é capaz de ser ’a tal’, 28.jul.020; EUA-Eleição presidencial de 2020: Joe Biden favorito de ’media’ estrangeiros vs. Elisabeth Warren e Kamala Harris favoritas em casa após debate a dez, .set.019. Foto (WP): O confronto existe claro entre Biden e Kamala. Biden acredita — depois de escrutinar treze nomes — ser essa a receita de sucesso para a vitória do Partido Democrata em 3 de novembro. LS

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project