INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

EUA: Mecânico aeronáutico rouba avião que pilota para a morte em Seattle 12 Agosto 2018

O suicídio é a provável causa que levou o mecânico de 29 anos da ’Air Horizon’ a desviar o avião de 76 lugares, vazio, no aeroporto de Seattle-Tacoma, Washington, na fronteira com o Alasca. O avião despenhou-se esta sexta-feira, 10, às onze da noite (cinco da manhã de sábado, em Cabo Verde), pouco depois de iniciado o voo não autorizado.

EUA: Mecânico aeronáutico rouba avião que pilota para a morte em Seattle

Um controlador aéreo aconselhou o mecânico, referido como ’Richard’, que acabara de roubar o avião a voltar à pista. Ao seu lado, voavam já dois caças F-15 da Força Aérea, que não puderam impedir o desfecho trágico.

"Não sei, pá. Parece que era isto que eu queria", respondeu o indivíduo indiciando a sua intenção suicida. Em seguida o avião despenhou-se sobre a ilha de Ketron Island, a uma distância aérea de pouco mais de cinquenta quilómetros do aeroporto. Aí, a Guarda Costeira confirmou que o “suicida” era a única pessoa a bordo da aeronave de 76 lugares.

Uma gravação indica que a conversa com os oficiais durou menos de um quarto de hora. O indivíduo saltou dum assunto para outro: comentou sobre a perspetiva de ir para a cadeia e ao mesmo tempo sobre a beleza da paisagem sugerindo que o seu objetivo era mesmo ir contemplar as famosas Montanhas Olímpicas, cartaz turístico da região próxima do Oceano Pacífico. ’Richard’ referiu que no céu tinha conseguido "um momento de serenidade" mas que "a paisagem passa depressa demais". Por fim, lamentou esse desgosto, que ia ser para "muita gente que gosta de mim saber o que eu fiz". A culpa, disse, era "uma loucura súbita".

"Gostava de pedir desculpa a todos e a cada um. Sou só um gajo que flipou, tinha uns parafusos soltos mas só agora apercebi-me disso". Um vídeo partilhado mostra as acrobacias aéreas realizadas durante cerca de 30 segundos, neste link: https://twitter.com/CameronThomsen/status/1028157648158568448.

Fontes: CNN/ USA Today/ NY Times. Foto do avião Bombardier Q 400, horas antes de ser roubado e destruído por um funcionário — aparente suicida ou ávido de sensações fortes como as acrobacias aéreas sugerem.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade
Cap-vert

Newsletter

Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project