INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

EUA: Governador Cuomo demite-se — Acusadoras: justiça servida 12 Agosto 2021

O governador do Estado de New York, Andrew Cuomo, demitiu-se esta terça-feira, uma semana depois do presidente Joe Biden o exortar a isso e no mesmo dia em que se demitiu a sua principal apoiante, Melissa DeRosa. À beira da destituição, após a investigação que concluiu acerca da factualidade de onze casos de assédio e abuso sexual, ao governador não restou senão sair "a bem da governação" e pedir "profundas desculpas" às mulheres que "se sentiram ofendidas" pelas suas ações.

EUA:  Governador Cuomo demite-se — Acusadoras: justiça servida

Andrew Cuomo em 2020 tornara-se uma presença quotidiana na televisão nacional, pelo combate que protagonizou na emergência da epidemia no seu Estado "10 mil contágios num dia, "Nova Iorque está sem recursos, ajudem-nos", grito de apelo de Cuomo. Falta de recursos ameaça vida de pessoal médico nos EUA, com mais de 270 mil contágios e de 7 mil óbitos, 05.abr.020).

O governador-vedeta do combate à Covid começou 2021 sob alegações de "conduta imprópria", que tinha em janeiro começado por desvalorizar. Ao longo destes meses, afirmou-se confiante de que a investigação por si autorizada não ia dar em nada.

Mas o trabalho realizado pela procuradora-geral Letitia James deu por provado que o governador Cuomo tinha assediado onze mulheres, nove delas funcionárias suas subordinadas, e que tinha submetido algumas a "toques indesejados". Além disso, o gabinete do governador tinha retaliado contra uma das queixosas.


Acusadoras: justiça servida

As queixosas Alyssa McGrath e Virginia Limmiatis sentem que justiça foi feita, afirmou em comunicado a sua advogada, Mariann Wang.

"As minhas constituintes sentem que justiça foi feita e estão aliviadas por saber que Cuomo deixou de estar numa posição de poder sobre quem quer que seja. Os esforços, através do advogado dele nos últimos dias, para atacar estas mulheres corajosas que falaram, acabaram por não lhe servir".

O comunicado refere ainda a "gratidão delas por terem sido ouvidas" e a sua "experiência valorizada" pela investigação da PGR. Expressam ainda "solidariedade com todas as mulheres que continuam a ser vítimas de abuso por homens de poder. Pelo menos um deles hoje está a enfrentar algumas consequências".

Fontes: CNN/NY Times/L’Express/Le Monde. Foto (AP/Getty): Cuomo na terça-feira, 10 na sede do Governo em Albany anuncia que se demite ao fim de dez anos. Mas invoca que por trás das acusações está "um caso politicamente motivado".

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project