INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Escalada perigosa na crise Irão-’Ocidente’: Petroleiros da Noruega e Singapura atacados no Golfo 16 Junho 2019

A escalada de acusações entre os Estados Unidos e o Irão marcam os três dias que já leva o último ataque a petroleiros no Golfo, perto do Mar de Omã. O petroleiro em chamas na quinta-feira, 13, é só mais um episódio da sabotagem que só num mês atingiu quatro navios petroleiros na região que fornece um quinto do petróleo mundial.

Escalada perigosa na crise Irão-’Ocidente’: Petroleiros da Noruega e Singapura atacados no Golfo

Teme-se um conflito bélico iminente na região, no momento em que Washington via Pentágono anunciou o envio de mais tropas para o Golfo e conta com o apoio das potências locais — Arábia Saudita, Emirados Árabes Unidos e e Israel.

O que mais se receia é o facto de que estes ataques desde maio — que não fizeram vítimas e ao contrário do anunciado em certos meios não fizeram disparar o preço do petróleo — estão a fazer lembrar o início da guerra dos petroleiros entre 1980 e 1988.

Analistas temem que a ação diplomática — designadamente da ONU — possa estar a perder ante a escalada iniciada com Washington. A Casa Branca não hesitou em atribuir ao Irão a autoria do incêndio que destruiu os petroleiros, um norueguês, outro singapuri. Teerão reagiu negando haver mão iraniana por trás da sabotagem.

Fontes: AFP/Reuters

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project