BREVES NOTÍCIAS

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Escola de Formação Cristã da Diocese de Santiago abre Curso de Especialização em Ciências Religiosas 17 Outubro 2019

Para o ano letivo 2019/2020, a Escola de Formação Cristã da Diocese de Santiago abre o Curso de Especialização em Ciências Religiosas. Tem como público-alvo, os atuais professores da disciplina de Educação Moral e Religiosa Católica, os membros da Associação de Professores Católicos e candidatos a professores da disciplina de Educação Moral e Religiosa Católica, os leigos e os religiosos vinculados às atividades pastorais, com pelo menos 12° ano de escolaridade.

Escola de Formação Cristã da Diocese de Santiago abre Curso de Especialização em Ciências Religiosas

Conforme um comunicado divulgado pela Diocese, o Curso de Especialização em Ciências Religiosas será implementado em conformidade com os artigos 16°, 17° e 18° do Acordo entre o Estado de Cabo Verde e a Santa Sé relativo aos Estatuto Jurídico da Igreja Católica, aprovado pela Resolução nº 83/VIII/2013, publicada no BO n° 68, I Série, de 16 de dezembro, com vista ao fortalecimento do Ensino Religioso Escolar em Cabo Verde.

O público alvo desse curso são: os atuais professores da disciplina de Educação Moral e Religiosa Católica; os membros da Associação de Professores Católicos e candidatos a professores da disciplina de Educação Moral e Religiosa Católica; os leigos e os religiosos vinculados às atividades pastorais, com pelo menos 12° ano de escolaridade. Serão oferecidas 70 vagas, com vista a formar duas turmas, sendo uma com cerca de 35 formandos em Santiago Sul (Praia) e outra com o mesmo número para Santiago Norte (Calheta – São Miguel).

Esta especialização em Ciências Religiosas, será implementado na modalidade presencial, em regime pós-laboral, três vezes por semana e terá uma duração de três anos, subdivididos em seis semestres, com um total de 3.141 horas, conforme o Plano de Estudos.

Sabe-se, através do comunicado, que o corpo docente será constituído por uma equipa mista de professores e investigadores qualificados, de entre leigos e sacerdotes, “essencialmente”, com grau de doutoramento e mestrado, habilitados para o ensino superior, obedecendo os critérios previstos no Regime Jurídico das Instituições de Ensino Superior. “Esse corpo docente será enriquecido com professores de instituições de ensino superior estrangeiras, em especial, das Universidades Católicas, em regime de co-regência em modalidade presencial ou a distância.

Celso Lobo

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau

blogs

publicidade

Newsletter

Abonnement

Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project