LUSOFONIA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

"Exemplo de integridade”: 33 ativistas angolanos manifestam apoio a Ana Gomes 24 Dezembro 2019

Mais de 30 ativistas angolanos elogiam a "longa luta por uma Angola democrática" e o "exemplo de integridade" da política portuguesa Ana Gomes. É uma mensagem de apoio à ex-eurodeputada socialista em carta-aberta publicada nos ’media’ portugueses no final da semana em que Ana Gomes se sentou no banco dos réus para responder no processo cível que lhe moveu a empresária angolana Isabel dos Santos.

"Talvez a nossa posição não seja relevante para a senhora Ana Gomes, em virtude da sua fibra emocional e ética, que não lhe permite abalar-se frente à luta pela verdade e justiça social. Mas temos a obrigação moral de estar ao lado dela por duas razões essenciais: a sua longa luta por uma Angola democrática, e o seu exemplo de integridade", lê-se na carta-aberta, com mais de 30 assinaturas.

Entre os trinta e três cidadãos angolanos signatários desta tomada de posição pública estão: o pastor Elias Isaac, Domingos da Cruz (um dos acusados de tentativa de subversão do Estado, e que foram depois indultados), líderes de várias organizações da sociedade civil, jornalistas, professores universitários e estudantes.

A ex-deputada Ana Gomes afirmou em tribunal, na quinta-feira, 19, nas alegações finais, que a queixa de Isabel dos Santos é uma “tentativa sinistra” de a silenciar. Voltou a reiterar na quinta- o que dissera na terça-feira: recusa retractar-se e subscreve na íntegra tudo o que escreveu nos seus tweets sobre Isabel dos Santos e "outros cleptocratas angolanos" que utilizam a banca portuguesa para "branquear" fundos desviados de Angola, em prejuízo do povo angolano.

A afirmação de Ana Gomes é subscrita pelos trinta e três signatários, que afirmam: "À semelhança da posição da senhora Ana Gomes, nós também partilhamos o consenso de que a origem da riqueza que a senhora Isabel dos Santos possui é resultante do favorecimento, fundado sobre uma economia extrativa e desumana, da qual o pai foi arquiteto e a filha uma das principais beneficiárias. Por estas e outras razões, Isabel tem de justificar a origem da riqueza que tem", lê-se na carta-aberta primeiro publicada pela agência Lusa.
— -
Fontes: /Lusa/Expresso.pt/. Relacionado: Angola-Portugal: Já é uma vitória ter a Ana Gomes sentada no banco dos réus, diz Isabel dos Santos, 18.dez.019;Angola-Portugal: Empresária Isabel dos Santos quer 5 mil E por dia pelo ’tweet’ da socialista Ana Gomes, 09.dez.019; Portugal-Angola: Ana Gomes diz que Isabel dos Santos "lava que se farta" e BP fecha os olhos, 16.out.019; Angola vive em "instabilidade, não é de confiança para os investidores", diz Isabel dos Santos, 16.out.019. Foto(Expresso.pt). LS

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project