CORREIO DAS ILHAS

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Fogo: CMM vai implementar projeto integrado de promoção da resiliência socioeconómica das famílias 02 Fevereiro 2021

A Câmara Municipal dos Mosteiros (CMM) da ilha do Fogo encontra-se a trabalhar para implementar um projeto integrado de promoção da resiliência socioeconómica das famílias vulneráveis, revelou à Inforpress o vereador Jaime Monteiro Júnior.

Fogo: CMM vai implementar projeto integrado de promoção da resiliência socioeconómica das famílias

Segundo a mesma fonte, que na cerimónia de inauguração da estrada de acesso à praia cais, zona sul do município, trata-se de um projeto transversal, que prevê intervenções em “domínios e sectores chave” do desenvolvimento do município.

Este projeto integrado de promoção da resiliência socioeconómica, segundo Jaime Monteiro Júnior, contribuirá para reforçar a coesão social e promover o acesso a rendimentos, por parte das famílias monoparentais, chefiadas por mulheres, bem como os segmentos mais desfavorecidos, nomeadamente agricultores, pescadores e peixeiras.

“Apesar dos ganhos de desenvolvimento social e económico alcançados nos últimos tempos, Mosteiros ainda se defronta com vários problemas e desafios, designadamente o desemprego jovem, um elevado deficit habitacional, assim como a necessidade de determinadas infraestruturas sociais, capazes de catapultar o desenvolvimento da economia local e, por arrastamento, a melhoria da qualidade de vida das pessoas”, aponta, Jaime, citado pela Inforpress.

Para este vereador, com a implementação deste projeto, o município dos Mosteiros estará a reduzir o desemprego, sobretudo o desemprego jovem, e a aumentar a resiliência económica das famílias de baixa renda, por via do acesso a rendimentos, melhorando assim, a sua qualidade de vida.

“Os três anos de secas consecutivos aliados à pandemia da Covid-19 agravaram a situação de vida das famílias de baixa renda, que já era preocupante, do ponto de vista social e económico, destruindo vários postos de trabalho e fontes de rendimentos, disse à Inforpress este vereador, para quem, é necessário engendrar políticas públicas que visem suprir as fragilidades económicas e sanitárias, criando, sobretudo, rendimentos às classes mais desfavorecidas.

“Só por via do acesso a rendimentos é que podemos garantir felicidade plena às pessoas. Assim, propomos, no âmbito deste projeto, intervir em setores e domínios sociais fundamentais para criarmos emprego e garantirmos o acesso a rendimentos por parte dessas classes, destacou Jaime Monteiro Júnior, conforme cita a Inforpress.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project