CORREIO DAS ILHAS

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Fogo: Câmara de São Filipe lança Prémio Pedro Cardoso para obras escritas no crioulo da ilha 02 Novembro 2021

A Câmara Municipal de São Filipe vai lançar no próximo ano a primeira edição do prémio literário Pedro Cardoso para obras escritas no crioulo da ilha do Fogo, como forma de o valorizar.

Fogo: Câmara de São Filipe lança Prémio Pedro Cardoso para obras escritas no crioulo da ilha

O anúncio do prémio foi feito pelo presidente da câmara de São Filipe, Nuías Silva, à margem da gala de reconhecimento das personalidades que contribuíram para o desenvolvimento da cultura, realizada na noite de segunda-feira, 01, na Praça do Presídio, que depois de mais de dois anos voltou a ser palco de actividades culturais.

“No próximo ano devemos lançar o prémio literário Pedro Cardoso, para valorizar a escrita de obras poéticas, ensaístas e ficção na língua crioula da ilha do Fogo”, disse Nuías Silva, sublinhando que valorizando a cultura e a identidade da ilha do Fogo, “que é rica”, pretende desenvolver o município de São Filipe, reconhecendo que tal só será possível se se apostar na sua cultura.

Com relação a esta primeira edição da gala que, segundo o mesmo, irá continuar todos os anos a reconhecer homens e mulheres da cultura pelo seu trabalho, mas também para construir a identidade e um produto turístico que se pode disponibilizar aos visitantes.

“É uma gala de reconhecimento dos artistas, valorizando a cultura da ilha e do município”, referiu Nuías Silva, para quem iniciativas do género irão marcar o seu mandato para a valorização da identidade da ilha e sobre ela construir “um produto turístico de excelência”.

Lembrou que o Carnaval da ilha “é diferente”, mas “altamente qualificado e com um potencial endógeno forte”, assim como o canizade, que é genuinamente foguense, a música, a maneira de expressar e de cantar os ritmos próprios da ilha.

Devem ser valorizados, continuou, assim como o crioulo do Fogo, que tem “particularidade notável” na sonoridade e na formação própria das palavras, “aspectos fundamentais” para construir a identidade da ilha.

O autarca defendeu a necessidade de “reconhecer para dignificar e dignificar para valorizar os homens da cultura”, adiantando que esta gala foi para reconhecer “aqueles que, praticamente, foram esquecidos ao longo dos tempos”.

Anualmente, segundo a mesma fonte, por esta ocasião, será realizada uma gala do género que marca também o arranque da Semana d´Arte, que depois de quatro anos de ausência volta às ruas da cidade de São Filipe, com várias actividades nas mais distintas áreas culturais.

“Queremos trabalhar nas vertentes de formação, organização e valorização para ter grupos e artistas mais bem organizados, valorizados e com oportunidades de actuarem nos palcos locais, regionais, nacionais e internacionais”, referiu.

Questionado se a realização da gala é um ensaio para as festas de São Filipe do próximo ano, depois de dois anos de ausência, Nuías Silva disse que até lá “muitas coisas vão acontecer”, mas que a gala é sinal de que a câmara está a valorizar e apostar “na prata da casa” e trazer diversidade cultural de outras ilhas e países para desta fusão possa nascer aquilo que a ilha sempre foi.

Segundo o mesmo, na ilha do Fogo, festejam-se as festas da ilha e de todas as ilhas de Cabo Verde, sublinhando que apesar de o município ter a sua própria identidade cultural, nunca recusou a mistura e influências de outras latitudes para melhorar e construir aquilo que é seu.

Quanto à festa de São Filipe do próximo ano, Nuías Silva disse que o concurso para organização da festa de São Filipe, na vertente musical no Presídio, foi concluído e está analisado, inclusive com um vencedor, mas que neste momento a câmara está no período de eventual reclamação dos outros concorrentes.

Na próxima semana, sintetizou, o município divulgará o vencedor para poder começar a trabalhar com antecedência aquilo que será a festa de São Filipe de 2022, nas vertentes cultural, turísticas e económica, para dinamizar economia da cidade, do município e da ilha. A Semana com Infrpress

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project