SOCIAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Funcionários do SNIAC vão representar Cabo Verde na Classe de Embaixadores da ID4Africa 2022 23 Janeiro 2022

A ID4Africa anuncia 26 de janeiro de 2022, em LiveCast, a nomeação de 84 funcionários governamentais africanos de alto nível, representando 48 países, que irão integrar a sua Lista de Embaixadores durante o ano 2022. Este impressionante aumento de mais 65 nomeados em relação ao ano 2021 reflete um endosso inequívoco do programa pelos governos africanos e um claro reconhecimento do importante papel que os Embaixadores desempenham no ecossistema da identidade.

Em relação a Cabo Verde, conforme uma nota em que o nosso jornal teve acesso, dois funcionários ligados ao Sistema Nacional de Identificação e Autenticação Civil (SNIAC) foram nomeados para representar Cabo Verde. São eles o Eng. Juvenal Pereira, Presidente da Comissão de Implementação (Embaixador) e Vânia Rosalete Fernandes Pereira, Coadjuvante (Vice-Embaixadora).

"A “Classe Embaixadora” da ID4Africa de 2022 destaca-se por vários motivos, entre os quais o notável aumento da representação feminina, de 24% no ano anterior para 33% este ano. Isso reflete o reconhecimento da importância das mulheres no Movimento e é o resultado de uma vigorosa campanha de recrutamento de líderes femininas qualificadas", lê-se na nota.

Além disso, avança a nota, o Programa de Embaixadores de 2022 foi expandido a pedido de vários governos africanos para permitir que todos os países do continente, independentemente do tamanho da população, nomeassem dois indivíduos (em vez de um como nos anos anteriores) para o Escritório de Embaixadores de ID4Africa, um Embaixador e um Adjunto. Esse interesse em aumentar a representação de nível sênior é uma indicação clara de que esses países estão comprometidos em se envolver ativamente no Movimento e direcioná-lo para garantir respostas às suas necessidades de identificação. O Programa de Embaixadores foca essencialmente em África e nas suas próprias questões de identidade.

Comentando sobre o sucesso do programa, o Presidente Executivo de ID4Africa, Joseph Atick, disse: “O Programa de Embaixadores cresceu ao longo dos anos para se tornar um pilar importante de apoio à agenda do ID4D na África. Os Embaixadores estão entre os melhores e mais brilhantes do continente, unidos não por uma vontade política, mas pela sua fé no potencial da África e pelo seu compromisso inabalável de trabalhar em conjunto para o concretizar. Esses homens e mulheres são o motor que impulsiona o Movimento, garantindo que ele permaneça conectado às realidades vividas no terreno e respondendo às suas necessidades. Eles tornam-nos num Movimento focado no local, nos cidadãos, com raízes consolidadas em todos os países”. Ele acrescentou ainda em relação ao aumento da participação feminina: “Estamos satisfeitos em ver o programa identificando e empoderando as mulheres, e continuaremos a fazê-lo”, conclui.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project