INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Quanto custa aos contribuintes um funeral de Estado? O de Shinzo Abe custa 1,66 bn ¥ 07 Setembro 2022

A glasnost prometida mas que hoje parece não se ter cumprido no império soviete é transparência nos países democráticos, a tal ponto que começam a surgir revelações inéditas. Por exemplo, o que os contribuintes pagam pelos derradeiros cerimoniais prestados a estadistas? O governo do Japão, que prepara a derradeira despedida de Shinzo Abe, revelou-o ao ter de justificar a derrapagem de 250 milhões para 1,66 biliões de ienes do funeral de Estado do seu mais longevo primeiro-ministro (2006-2020).

Quanto custa aos contribuintes um funeral de Estado? O de Shinzo Abe custa  1,66 bn ¥

Mas como estão a reagir os japoneses à divulgação esta terça-feira de tal montante? E de que o custo inicial de 250 milhões derrapou para mais de bilião e meio de ienes (1,2 mil milhões CVE)?

Extrapolando, como reagiriam cidadãos de outros países — de A a Z — se de súbito se encontrassem perante a economia real e não a de contos de fadas, em que o plebeu paga para ver o cortejo dos principais, do berço à cova?

Fontes: Japan Times/AP/Reuters. Relacionado: Japão-Legislativas: Vitória de irmão de Shinzo Abe ajudada por Igreja contra a qual homicida do ex-PM tinha litígio que motivou o crime, 29.jul.022; Japão-Assassinato de Shinzo Abe: Mãe do assassino sai em defesa da Igreja, 01.ago.022; Japão-Legislativas: "Em choque com assassinato de Abe", PM e Doma mantêm eleições de domingo, 09.jul.022. Fotos: Funeral de Estado a derrapar 664% — com a justificação do governo de Kishida de que no orçamento inicial não constavam os contratos com serviços, como os de segurança, tornados necessários ante o "inesperado" que são os milhares de dignitários estrangeiros que já avisaram que vão estar presentes em Tóquio no próximo dia 27.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project