DESPORTO

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Futebol: Santo Crucifixo vence Taça Cabo Verde e conquista o primeiro título nacional para Santo Antão 27 Maio 2019

Os futebolistas da Ilha das Montanha está de parabéns. É que a União Desportiva Santo Crucifixo, da Ribeira Grande de Santo Antão, conquistou, na tarde deste domingo,26, a Taça de Cabo Verde em futebol, edição 2018/19, ao vencer o Palmeiras do Sal por 3-2, na final disputada no Estádio Nacional.

Futebol: Santo Crucifixo vence Taça Cabo Verde e conquista o primeiro título nacional para Santo Antão

Num ambiente de muita festa, marcado pela forma como a massa associativa adepta e simpatizante da formação de Cuculi, Ribeira Grande, levou, conforme a Inforpress, o colá à maior infra-estrutura desportiva do País, erigida na capital cabo-verdiana, a equipa santantonense inaugurou o “placard” aos 28 segundos da partida, por intermédio de Nelson.

A equipa salense não se intimidou e deu a cambalhota no marcador, já que os golos apontados por Suba, aos cinco minuto e Latche, aos 19, permitiu ao Grupo Desportivo Palmeira adiantar-se no marcador, 2-1.

Num jogo dividido, sob a arbitragem da equipa de São Vicente comandada por Benvindo Fortes, o dianteiro santantonense Nelson bisou aos 40 minutos, resultado feito a intervalo.

Conforme descreve a mesma fonte, no reatamento do encontro foi notório o melhor futebol praticado pela equipa do Sal, a toda a largura do terreno, fruto de um futebol corrido, com trocas de bolas, mas o pragmatismo da formação de Cuculi foi determinante, já que aos 86 minutos, Latchu, que entrara minutos antes, fechou o “marcador”, com um golo magistral que ditou a vitória por 3-2 da equipa da Ribeira Grande.

Um golo muito festejado pelas hostes da ilha das montanhas, já que a União Desportiva de Santo Crucifixo, equipa fundada há cinco anos, não só conquistou a Taça de Cabo Verde, agora denominada Taça Caixa, assim como ganhou o primeiro título nacional de sempre em futebol sénior masculino para a ilha de Santo Antão.

No final da partida, por entre festas e tristezas, o presidente da Assembleia Nacional, Jorge Santos, procedeu à entrega da Taça Cabo Verde ao capitão de Santo Crucifixo, equipa que ainda foi contemplada com um cheque no valor de 100 mil escudos, da patrocinadora Caixa Económica de Cabo Verde.

O Santo Crucifixo arrecadou todos os prémios individuais da prova, já que ao seu guarda-redes Amunick foi atribuído o troféu dedicado ao melhor guardião, ao passo que o avançado Nelson, que bisou na final, conquistou os troféus do Melhor Jogador e Melhor Marcador da Taça Cabo Verde, refere a Inforpress.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau

blogs

publicidade

Newsletter

Abonnement

Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project