INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Guerra Rússia/Ucrânia: Tropas ucranianas só sairão de Mariupol como prisioneiros, diz Zelensky 08 Maio 2022

Presidente ucraniano diz que país não possui armamento suficientemente pesado para desbloquear o impasse nas instalações da siderúrgica de Azovstal.

Guerra Rússia/Ucrânia: Tropas ucranianas só sairão de Mariupol como prisioneiros, diz Zelensky

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, disse este domingo que a Rússia só permitirá a saída de militares ucranianos de Mariupol enquanto prisioneiros, de forma a, posteriormente, poderem trocar ucranianos por prisioneiros de guerra russos.

Em declarações à Sky News reproduzidas por NM, o líder ucraniano afirmou ainda ser “impossível” para a Ucrânia usar força militar para desbloquear o impasse nas instalações da siderúrgica de Azovstal sem possuir mais armas pesadas.

Em resposta às críticas de um militar de Azovstal - que recusa rendição - que acusou o governo ucraniano de falhar em ajudar as tropas, Zelensky esclareceu que “a Ucrânia não tem armas tão pesadas para desbloquear Mariupol por meios militares”.

O presidente ucraniano explicou que, de momento, a única saída é a via diplomática e que foi através disso que foi possível a retirada de todas as mulheres, crianças e idosos do complexo industrial.

“A Rússia trocará os militares apenas se forem prisioneiros para trocar por outros prisioneiros [russos]. Aqui está a situação. Esta é a resposta da Federação Russa”, disse o presidente ucraniano.

Recorde-se que Azovstal é o último reduto da resistência ucraniana e os homens que permanecem ali refugiados afirmaram este domingo que, ainda que hajam fortes bombardeamentos diários, não pretendem render-se à Rússia. Foto:© Reuters

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project