LUSOFONIA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Guiné Bissau: Domingos Simão afirma que quem emite um mandado de captura é porque não lhe quer na Guiné 29 Dezembro 2020

Procuradoria-Geral da República da Guiné-Bissau anunciou, esta sexta-feira, que emitiu um mandado de captura internacional contra Domingos Simões Pereira.

Guiné Bissau: Domingos Simão afirma que quem emite um mandado de captura é porque não lhe quer na Guiné

Consoante a agência RFI, o líder do PAIGC diz desconhecer o teor das acusações e afirma que se trata de uma estratégia para o manter afastado do país e da política.

"Afirmei publicamente a minha intenção de ir à Guiné-Bissau. Estou a preparar-me para ir à Guiné-Bissau e vou à Guiné. Quem emite um mandado de captura contra mim, provavelmente, é porque não me quer lá", afirma Domingos Simões Pereira.

Em comunicado, a PGR formaliza que "o Ministério Público já lançou um mandado de captura internacional contra o cidadão Domingos Simões Pereira, no âmbito de um processo-crime que segue os trâmites legais nesta instituição judiciária detentora da acção penal”.

"Sou o presidente de um partido político, por sinal o maior partido da Guiné-Bissau e vencedor das últimas eleições, não deve ser muito difícil encontrar o gabinete do presidente do PAIGC. Se existir algum processo, terão de notificar essa entidade que me fará chegar essa informação", sublinhou o líder do PAIGC.

Domingos Simões Pereira diz desconhecer o mandado de captura; "tive essa informação pelos mesmos mecanismos, via redes sociais e de uma nota que nos chegou às mãos. Não conheço a autenticidade desse documento, mas a assumir que exista esta intenção é tudo muito estranho", defende.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project