LUSOFONIA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Guiné-Bissau inicia em breve recenseamento para eleições legislativas em dezembro – ministro 30 Agosto 2022

A Guiné-Bissau vai começar “em breve” o recenseamento eleitoral para as eleições legislativas marcadas para 18 de dezembro, disse hoje o ministro da Administração Territorial e Poder Local daquele país, nas Caldas da Rainha.

Guiné-Bissau inicia em breve recenseamento para eleições legislativas em dezembro – ministro

“Vamos fazer o recenseamento. Tem de ser um recenseamento de raiz, por isso temos toda a equipa preparada. Vão chegar materiais daqui a alguns dias e vamos dar início brevemente ao processo de recenseamento eleitoral”, disse à agência Lusa Fernando Gomes, que afastou o adiamento da data das eleições.

O ministro reconheceu que a realização do recenseamento “não é uma tarefa fácil” devido à época das chuvas, mas acrescentou que o decreto que fixou a data das eleições tem de ser cumprido.

Fernando Gomes referiu que o gabinete técnico de apoio ao processo eleitoral começou a trabalhar há cerca de dois meses.

O Presidente guineense, Umaro Sissoco Embaló, marcou eleições legislativas antecipadas para 18 de dezembro deste ano.

O governante guineense encontra-se em Portugal para reuniões com presidentes de municípios portugueses, a primeira das quais ocorreu hoje com o autarca de Caldas da Rainha, o independente Vítor Marques.

“A Guiné-Bissau nunca teve eleições locais, após 48 anos de independência. Por isso, estamos aqui para conhecer a experiência portuguesa nesse domínio para avançar para eleições autárquicas entre 2023 e 2024, porque, sem eleições autárquicas, as províncias da Guiné-Bissau vão continuar abandonadas, porque não existe um poder local. Tudo depende do poder central”, justificou Fernando Gomes.

O ministro da Administração Territorial e Poder Local da Guiné-Bissau vai também reunir-se com autarcas da Covilhã, Águeda, Coimbra, Figueira da Foz, Oeiras, entre outros, durante 12 dias de encontros bilaterais em Portugal.

Até ao final do ano, o governante tenciona vir a assinar um acordo de geminação com Caldas da Rainha, no distrito de Leiria, cujo autarca convidou a visitar o seu país.

A Semana com Lusa

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project