SOCIAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

“Há desinformação e falta de informação sobre a questão do período menstrual em Cabo Verde” – directora da Verdefam 14 Novembro 2022

A directora-executiva da Associação Cabo-verdiana para a Protecção da Família (Verdefam) disse hoje haver “muita desinformação e falta de informação” sobre a questão do período menstrual no País, detectada nas actividades de sensibilização sobre o tema nas comunidades.

“Há desinformação e falta de informação sobre a questão do período menstrual em Cabo Verde” – directora da Verdefam

Elisabeth Xavier fez esta afirmação à imprensa, à margem do lançamento da campanha nacional “Período menstrual, é normal! Quebrar o tabu” e do fórum sobre “Gestão e higiene menstrual em Cabo Verde”, no sentido de trabalharem na autoestima das meninas e mulheres, por se tratar de um tema que não precisa ser escondido, mas sim saber vivenciá-lo de uma forma “natural e normal”.

Segundo a mesma fonte, a campanha e fórum visam chamar a atenção para um tema que diz respeito à saúde e educação das meninas, mulheres e também da sociedade cabo-verdiana, que é a menstruação e combater a falta de condições mínimas.

A directora executiva da Verdefam acrescentou que o fórum tem como objectivo também de desmistificar e fazer da menstruação um tema natural, deixando de ser um tabu, com que muitos ainda convivem no dia-a-dia.

Esta campanha, conforme Elisabeth Xavier, vai ser lançada hoje na televisão, com spots televisivos, ainda através de um plano de acção a nível de sensibilização e educação nas comunidades, nas escolas, com as associações de pais e materiais informativos.

Segundo a responsável da Verdefam, a campanha acontece a nível nacional e dentro do plano de acção a instituição procura sempre implementar acções e actividades de forma que “ninguém fique para trás” na promoção da saúde e o bem-estar da população.

“Como estamos na promoção da saúde sexual reprodutiva tudo o que diz respeito à saúde e ao bem-estar e também na linha dos objectivos do desenvolvimento sustentável”, elucida a directora executiva da Verdefam.

Explicou que nesta primeira fase do projecto retratam apenas a menarca, que é primeira menstruação, e pretendem também discutir na próxima fase do projecto a questão da menopausa, que, segundo disse, é uma fase com “muitas implicações” no bem-estar e na saúde da mulher.

Por outro lado, apelou ainda à atenção dos homens por essas questões, no sentido de entender mais as mulheres quando estão no processo período menstrual, porque isto faz “toda a diferença” na vida de uma mulher.

A abertura do fórum e o lançamento da campanha ocorreram no Salão de Banquetes da Assembleia Nacional, com a cerimónia de abertura a cargo da primeira-dama, Débora Katisa Carvalho, madrinha da campanha, do secretário de Estado adjunto da ministra da Saúde, Evandro Monteiro, do representante do Fundo das Nações Unidas para a População (UNFPA), na sigla em inglês, e a representante dos jovens/adolescentes, Andreia Monteira.

O fórum e a campanha são fruto de uma parceria entre a Verdefam, o Ministério da Saúde, Ministério da Educação, Instituto Cabo-verdiano para a Igualdade de Género (ICIEG), Ficase e UNFPA.

A Semana com Inforpress

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project