ECONOMIA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Há economia na base das bodas em massa 10 Novembro 2022

O Sheikh Mansoor bin Mohammed (ao centro), filho do monarca dos Emirados Árabes Unidos, preside à celebração nupcial coletiva que juntou cem noivos na manhã desta quarta-feira 10. As noivas festejam numa cerimónia diferente, só feminina.

Há economia na base das bodas em massa

O evento excecional, que teve lugar no V Hotel em Dubai nesta manhã de quarta-feira 10, teve o objetivo expresso de realizar "o sonho dos cidadãos desejosos de casar", como explicou o funcionário responsável por toda a logística.

O governo, segundo o funcionário explicou Saleh Al Sheikh, de 43 anos, interveio para permitir tornar realidade o sonho às vezes adiado por muito tempo devido ao peso financeiro das sumptuosas bodas tradicionais.

O organizador do evento foi o Ministério do Desenvolvimento Urbano dos Emirados.

Contrato

O primeiro passo para o casamento é dado pelas mães dos prospetivos noivo e noiva. Ambas discutem a possibilidade de unir as duas famílias.

Passo seguinte: ambas arranjam um encontro entre os prospetivos noivo e noiva.

As regras mandam que a noiva pode escolher se vai maquilhar-se ou, no caso de usar habitualmente o niqab, se o vai retirar ou não nesse primeiro encontro.

Se houver química entre os prospetivos noivo e noiva, o segundo encontro envolverá as duas famílias para celebrarem o contrato de casamento.

Fontes: Gulf News/

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project