ECONOMIA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Hotelaria em Cabo Verde registou uma quebra de 93,6% de hóspedes no primeiro trimestre de 2021 31 Maio 2021

No primeiro trimestre 2021, a hotelaria em Cabvo Verde registou mais de 12 mil hóspedes, correspondendo a uma quebra de 93,6% face ao trimestre homólogo. No mesmo período, as dormidas diminuíram 97,4% e Portugal foi o principal país de proveniência de turistas. Os turistas do Reino Unido foram os que permaneceram mais tempo em Cabo Verde, com uma estadia média de 4,2 noites. Dentre as ilhas do País, Santiago foi a mais procurada pelos turistas, representando cerca de 62,2% das entradas nos estabelecimentos hoteleiros.

Hotelaria em Cabo Verde registou uma quebra  de 93,6% de hóspedes no primeiro trimestre de 2021

De acordo com os últimos dados divulgados pelo Instituto Nacional de Estatísticas (INE), no primeiro trimestre 2021, os estabelecimentos hoteleiros do arquipélago acolheram mais de 12 mil hóspedes, menos 93,6% do que no mesmo trimestre do ano passado. As dormidas atingiram 28.912 mil no mesmo período, traduzindo-se numa variação negativa de 97,4%, em relação ao trimestre homologo.

A análise por tipo de estabelecimentos revela que os hotéis continuam sendo os estabelecimentos hoteleiros mais procurados, representando 79,1% do total das entradas. Seguem-se-lhes as residenciais com 8,3%, os hotéis apartamentos com cerca de 6,0% e as pensões com 4,5%.

Relativamente às dormidas, o estudo revela que os hotéis representam 76,4%, as residenciais com 8,3% e os hotéis-apartamentos e as pensões com 6,5%. A ilha do Sal continuou a ter maior acolhimento, com 40,2% do total das entradas, seguida da Boa Vista com 28,1% e de Santiago com 16,0%. “Em relação às dormidas, a ordem é a mesma, sendo Sal com 49,3%, Boa Vista com 37,6% e Santiago com 6,0%”, indica a fonte.

O estudo aponta ainda que o principal mercado emissor de turistas foi Portugal, com 16,6% do total das entradas. A seguir vêm, França, Estados Unidos e Espanha, responsáveis por, respetivamente, 8,6%, 6,1% e 2,8%, do total das entradas.

Relativamente às dormidas, Portugal passou a ocupar o primeiro lugar, com 14,6% do total, seguido de, França, Estados Unidos e Espanha com, 8,6%, 5,4% e 4,3%, respetivamente.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project