SOCIAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Ilha do Maio: Festival de Moreia “superou todas as expectativas” – organização 30 Agosto 2021

A comissão organizadora de tarde de moreia considerou que o evento, que este ano decorreu durante dois dias, superou “todas as expectativas”, tendo em conta a adesão e a participação das pessoas.

Ilha do Maio: Festival de Moreia “superou todas as expectativas” – organização

Segundo considerou, conforme escreve Inforpress, a vice-presidente da Associação dos Pescadores Vindos do Norte, Sílvia Tavares, a presença do público “foi fantástica” e pautada pelo respeito às normas sanitárias, embora admitisse que em alguns casos houve “alguma desatençãoo” por parte dos participantes, mas que a organização “sempre esteve atenta a chamar a atenção das pessoas para o cumprimento das regras”.

Conforme assegurou aquela representante, “não foi fácil” organizar o evento, porque houve “muitos obstáculos”.

“Trabalhamos muito na parte de contactos e sensibilização das pessoas, principalmente dos que vieram fazer os seus negócios”, destacou, frisando que foi preciso introduzir algumas inovações em relação aos anos anteriores, uma vez que também este ano pretenderam alargar para dois dias.

Segundo escreve Inforpress, Sílvia Tavares considerou ainda que um dos objectivos da realização deste evento foi a promoção daquela vila pescatória e ao mesmo tempo proporcionar aos pescadores, peixeiras e pequenos empresários uma oportunidade de conseguirem vender os seus produtos.

Destacou o trabalho de sensibilização para a que a classe efectuasse “algum estoque de moreia” para participar no evento, lembrando que nesta altura regista-se “muita procura” deste pescado.

“Este ano decidimos realizar este evento em dois dias, porque pretendiámos alargar o número de vendedeiras, por isso dividimos em duas partes, no sábado participou uma e, no domingo, a outra metade, com vista a beneficiar a todos, sempre atentos às normas sanitárias, razão pela qual este ano não introduzimos a parte cultural”, frisou a vereadora.

Por seu lado, o Alécio Tavares membro da organização de “sun set”, que também decorreu na praia de baxona disse que este evento é mais uma forma de descentralizar o Verão na ilha do Maio, proporcionando às pessoas a possibilidade de descobrirem um pouco sobre as potencialidades culturais e, acima de tudo, a riqueza em produtos do mar, cita Inforpress.

“Queremos também chamar atenção das autoridades local e central para apostarem fortemente na vila da Calheta, que é um dos pontos turísticos da ilha que precisa ser valorizado”, precisou a mesma fonte.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project