REGISTOS

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Ilha do Sal: Intensidade das chuvas provoca momentos de aflição aos pescadores da Palmeira 03 Setembro 2022

Alguns pescadores da Palmeira, na ilha do Sal, passaram esta sexta-feira, à tardinha, por momentos de aflição, devido à intensidade das chuvas, em que vários botes foram arrastados pelas cheias, procedentes da localidade vizinha de Fonte Riba.

Ilha do Sal: Intensidade das chuvas provoca momentos de aflição aos pescadores da Palmeira

Durante cerca de 40 minutos choveu intensamente por toda a ilha, deixando estradas, vias de acesso e casas alagadas, sobretudo na zona dos assentamentos informais, onde a situação de enxurrada obrigou os moradores, cujas casas foram assaltadas pelas chuvas caídas, a pedir auxílio ao Serviço de Protecção Civil e Bombeiros.

Com o amainar da tempestade, e um “djunta mo” (entre ajuda), já por volta das 20:00, a maioria dos botes já tinha sido resgatada, encontrando-se, entretanto, um iate ainda afundado.

Face à situação, o presidente da Associação de Pescadores da Palmeira, José Livramento, admitiu a insuficiência de meios de salvamento por parte das autoridades, pelo que apela ao Governo a tomar providências nesse sentido.

“Não atribuímos culpa às autoridades marítimas, locais, mas apelamos ao Governo no sentido de ver essa situação tendo em conta as mudanças climáticas, que a cada dia estão a dar sinais, e temos que nos preparar para o futuro. Hoje a tempestade levou materiais, mas proximamente não se sabe o que poderá acontecer, pelo que temos que prevenir para salvaguardar vidas humanas”, acautelou o representante dos pescadores da Palmeira.

As fortes precipitações de sexta-feira, 02, provocaram também a queda de uma parte do muro de vedação da pista do aeroporto, na zona da Boa Vista, tendo a área sido imediatamente cercada por agentes da polícia e militares.

Segundo o boletim informativo da Meteorologia, o estado do tempo continua condicionado por uma vasta área de instabilidade, carregada de muita humidade sobre o arquipélago.

O tempo chuvoso continuará em todas as ilhas, podendo sábados as chuvas serem mais intensas, primeiro em Sotavento e depois em Barlavento, a partir da noite, com redução da visibilidade durante a ocorrência da precipitação.

A mesma fonte refere ainda que o vento continuará sem muita alteração, soprando moderado, o estado do mar sem aumento significativo previsto, com períodos de acentuada redução nas zonas costeiras.

Os serviços do Instituto Nacional de Meteorologia e Geofísica (INMG) continuam em vigilância permanente ao estado do tempo, difundindo as informações que se mostrarem pertinentes. A Semana com Inforpress

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project