NOTÍCIAS

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Instituto Camões cofinancia em 15 mil euros musealização de ruínas de igreja em Cabo Verde 07 Dezembro 2021

O Instituto Camões vai cofinanciar em 15 mil euros o projeto de musealização das ruínas da Igreja Nossa Senhora da Conceição, situado na Cidade Velha, Património Mundial em Cabo Verde, informou hoje o Instituto do Património Cultural cabo-verdiano.

Instituto Camões cofinancia em 15 mil euros musealização de ruínas de igreja em Cabo Verde

Segundo aquele instituto cabo-verdiano citado pela Inforpress, o projeto irá permitir a conservação dos vestígios local e inovar as infraestruturas culturais do sítio histórico cabo-verdiano.

A Igreja de Nossa Senhora da Conceição, localizado na Cidade Velha, Património Mundial, é conhecida como uma das mais antigas igrejas de Cabo Verde, (construída entre 1466 e 1470), serviu de oratório para os habitantes senhoriais sediados no bairro de São Pedro.

De acordo com o IPC, a musealização deste património histórico justifica-se pela necessidade de uma “nova abordagem” na gestão da Cidade Velha como sítio classificado como Património Mundial da Humanidade.

Conforme o projeto, criado pelo Ministério da Cultura e das Indústrias Criativas, a musealização irá permitir uma “compreensão fidedigna” da história e do sítio arqueológico na sua íntegra, gerar empregos através de espaços de qualidade como um produto turístico de excelência, bem como aproveitar o património através de políticas públicas, no sentido de melhorar as condições de vida da comunidade.

“Seguindo as recomendações da UNESCO, segundo a qual é desejável um melhor equilíbrio entre a conservação do património histórico e o desenvolvimento urbano, valorização do espaço natural e ambiental, com vista a contribuir para melhorar a qualidade de vida e sentido de pertença dos residentes e visitantes”, descreveu o IPC.

A mesma fonte recordou que em 2015 a mesma igreja foi alvo de escavações para estudos arqueológicos lideradas por dois cientistas da Universidade de Cambridge (Reino Unido).

Durante as escavações, os arqueólogos recuperam a planta da superfície da igreja, para além de várias lápides de dignitários locais da época como o de Fernão Fiel de Lugo, traficante de escravos e tesoureiro da Cidade Velha entre 1542 e 1557.

A musealização da Igreja Nossa Senhora da Conceição é mais um projeto do Ministério da Cultura e das Indústrias Criativas de Cabo Verde que é financiado pelo Camões Instituto de Portugal, depois da reabilitação da Capela Gótica no interior da Igreja de Nossa Senhora do Rosário, num valor de 50 mil euros, refere a Inforpress.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project