LUSOFONIA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Investigador da polícia moçambicana que feriu vizinho a tiro condenado a três anos de prisão 03 Novembro 2022

O Tribunal Judicial da Cidade de Maputo condenou quarta-feira um agente do Serviço Nacional de Investigação Criminal (Sernic) a três anos de prisão por ferir a tiro um vizinho que se envolveu numa rixa com um amigo do investigador.

Investigador da polícia moçambicana que feriu vizinho a tiro condenado a três anos de prisão

De acordo com a Lusa , o agente, que protagonizou o ato em março, foi igualmente condenado ao pagamento de uma indemnização de 900 mil meticais (14.400 euros).

A juíza do caso, Claudina Mulandeza, considerou que o investigador “agiu de livre consciência e de forma deliberada, com intenção de causar dor à vítima”.

O agente do Sernic disse à comunicação social que vai recorrer da sentença, por discordar do veredicto.

A mesma fonte informa que o investigador feriu o seu vizinho com dois tiros, alegadamente porque queria acabar com a briga que estava a ter com um seu amigo.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project