ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Investimento na rede TDT vai transformar a forma como vemos televisão em Cabo Verde 13 Abril 2018

A inauguração da sede da Cabo Verde Broadcast, empresa que vai gerir a TDT, na cidade da Praia e a apresentação dos seus órgãos sociais pelos ministros da Cultura e das Indústrias Criativas e das Finanças, marcou, oficialmente, o término da Comissão de Implementação e Acompanhamento da transição do sistema de radiodifusão televisiva analógica para a televisão digital terrestre.

Investimento na rede TDT vai transformar a forma como vemos televisão em Cabo Verde

“Acredito que hoje é um dia histórico no campo da tão falada era digital. Este Governo assumiu o compromisso de levar adiante o processo que hoje culmina com a criação da Cabo Verde Broadcast, uma sociedade anónima de capitais exclusivamente públicos, que terá a responsabilidade de gestão e a exploração do sistema”, afirmou o MCIC, Abraão Vicente.

A transição do canal analógico para a TDT – Televisão Terrestre Digital – é um investimento estruturante do Estado de Cabo Verde, no valor de 1,6 milhões de contos visando a transformação da forma como estamos acostumados a ver a televisão até este momento. O “switch out” vai acontecer em breve e vão deixar de haver zonas sombras em Cabo Verde. Já há televisão em localidades que nunca antes tinham recebido sinal televisivo.

Neste momento 75 por cento do país já está coberto pela TDT. A introdução desta rede é mais um passo para fomentar o desenvolvimento do setor das TIC, proporcionar ao país e aos cabo-verdianos novos serviços ou ainda serviços melhorados de televisão, com melhor qualidade de imagem e áudio, assim como garantir a libertação do espectro radioelétrico para seguirmos para a utilização do sistema 4G.

O Governo assume o firme compromisso de apoiar o país no desenvolvimento do setor audiovisual e na massificação da informação salvaguardando o que está na Magna Carta cabo-verdiana.

“A melhoria de acesso com diversos conteúdos por parte da população sobretudo a mais isolada, contribui mais uma vez para cumprir a Constituição, para garantir a coesão regional e abrir oportunidades nas indústrias da criatividade da produção e difusão de conteúdos locais e regionais”.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade
Cap-vert
Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project