INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Israel: Sarah Netanyahu senta-se no banco de réus por fraude de catering com desvio de $100 mil 09 Outubro 2018

Este domingo, 7, o Tribunal de Jerusalém deu início ao julgamento do catering exorbitante que configura um caso de fraude com desvio de 100 mil dólares. A ré é a esposa do primeiro-ministro do Estado de Israel.

Israel: Sarah Netanyahu senta-se no banco de réus por fraude de catering com desvio de $100 mil

O Ministério Público acusa Sarah Netanyahu de ter declarado despesas falsas relativas a refeições fornecidas através de serviços de catering, quando as mesmas teriam sido confecionadas pelos cozinheiros ao serviço da residência oficial.

De 2010 a 2013, Sara Netanyahu, família e convidados receberam “fraudulentamente centenas de refeições preparadas por serviços de catering”. “São crimes que foram cometidos sob os auspícios da Residência do Primeiro-Ministro, pela esposa do primeiro-ministro, que abusou da sua posição”, diz a Acusação.

Sara Netanyahu tem tido muitas quezílias com a lei relacionadas com o seu comportamento “arrogante” e os seus gostos extravagantes pagos com dinheiro público, diz a imprensa israelista. Há dois anos um tribunal condenou-a a pagar $42.000 de indemnização a um empregado, que se queixou de maus-tratos.

Fontes: Times of Israel/Jerusalem Post/Haaretz

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade



Mediateca
Cap-vert

blogs

Newsletter

Abonnement

Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project