REGISTOS

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Israel vacina 16-18 anos com ’sim’ dos pais — 36 pc vacinados 25 Janeiro 2021

O Estado de Israel, que a nível mundial lidera a vacinação anti-Covid, com 36 por cento da população vacinada, começou ontem (sábado, 23) a vacinar os adolescentes entre os dezasseis e os dezoito anos, com o consentimento dos pais. Desde o arranque a 19 de dezembro, dois milhões e meio dos residentes receberam já a primeira dose da vacina. Israel terá pago o dobro para ter prioridade na aquisição das vacinas da Pfizer e da Moderna.

Israel vacina 16-18 anos com ’sim’ dos pais —  36 pc vacinados

O Estado de Israel decidiu expandir o programa aos estudantes dos dois últimos anos do ensino secundário no momento em que leva um grande avanço na corrida global da vacinação anti-Covid.

O país de 9,1 milhões de pessoas inoculou com a primeira dose mais de um terço da sua população e com a segunda dose mais de 900 mil, numa proporção quatro vezes maior que qualquer outro país.

Entretanto sabe-se que os índices de infeção no país atingiram mais de dez mil infetados em dezembro seguindo-se uma queda e depois voltou aos mais de dez mil esta semana, no dia 20. Desde terça-feira, 21 tem vindo a cair e nas últimas 24 horas (domingo, 24) registam-se 4.731 casos confirmados e com um total acumulado de 595.097.

Políticos, governantes, outros líderes israelitas entre os primeiros a vacinar

A vacinação começou em 19 de dezembro com trabalhadores do setor da Saúde. Também receberam a vacina na manhã do dia 19, o coordenador da resposta ao coronavírus, Ronni Gamzu, em fim de missão e de regresso ao seu posto no Hospital Ichilov, de Telavive, e o minstro das Finanças, Israel Katz.

Seguiram-se ao longo desse primeiro dia, o presidente da República e o CEMFA-comandante das Forças Armadas — que justificou estar "a dar o exemplo" às suas tropas.

— -
Fontes: AP/Times of Israel/Our World Data/Worldometers. Relacionado: Israel já vacinou 1 milhão e lidera a vacinação mundial —Pagou o dobro para ter vacinas, 07.jan.2021. Foto (GPO): Israel cumpriu o objetivo de vacinar toda a população vulnerável — com mais de 60 anos e com doenças prévias — antes do fim de janeiro e no sábado começou a vacinar os adolescentes que frequentam os dois últimos anos do liceu (16-18 anos).

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project