POLÍTICA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

S.Vicente: JPAI acusa JpD de incentivar consumo do álcool em atividades desportivas por ocasião da manifestação de 13 de janeiro 17 Janeiro 2018

A Juventude do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (JPAI) acusou hoje,16, em conferencia de imprensa, a juventude afecta ao Movimento para a Democracia (JpD) de “proporcionar bebidas alcoólicas” para uma “suposta diversão” de jovens. Uma iniciativa que, segundo a mesma organização, serviu para o incentivo do uso do álcool por ocasião da manifestação de 13 de Janeiro realizada na ilha.

S.Vicente: JPAI acusa JpD de incentivar consumo do álcool  em atividades desportivas por ocasião da manifestação de 13 de janeiro

O responsável local da juventude tambarina (oposição), Odair Cruz, explicou, em declaração aos jornalistas no Mindelo, que tudo terá acontecido no feriado de 13 de Janeiro quando, alegadamente, a JpD organizou “um conjunto de torneios desportivos” em diversos bairros da ilha, em que foram troféus, denunciou, “três caixas de cervejas para o primeiro classificado e duas para o segundo lugar”.

“A JPAI-São Vicente pode comprovar facilmente a verdade sobre esta iniciativa”, ajuntou a mesma fonte.

Os jogos, lançou Odair Cruz, “coincidiram” com o dia da realização de uma manifestação popular, “previamente organizada e muito anunciada”, pelo que a JPAI-São Vicente vem hoje revelar “preocupação” com “esta postura vinda da juventude afecta ao MpD” que suporta o Governo da República e a Câmara de São Vicente.

“Entedemos que nenhuma juventude partidária deve ter este tipo de comportamento e iniciativa que teve a JpD, sabendo que o uso e o consumo do álcool tem prejudicado muito a juventude de São Vicente”, reforçou Odair Cruz.

Males sociais e suspeitas de financiamento

A JPAI-São Vicente, segundo o seu líder regional, diz esperar que os recursos para a realização de tais atividades desportivas não tenham saído dos cofres públicos, pois, a confirmar-se, aludiu, estar-se-ia perante “um caso grave” e que “merece ser investigado pelas entidades competentes”.

Ademais, a mesma fonte lembrou que o consumo abusivo do álcool tem sido “a causa” de “muitos males” que afectam a sociedade mindelense, tendo nomeado o “aumento da delinquência juvenil”, fenómeno, ajuntou, que merece “análise atenta” das autoridades nacional e local.

Por isso, Odair Cruz pediu aos jovens mindelenses para “não se deixarem levar por iniciativas do género” independentemente de quem esteja a organizá-los, uma vez que apenas contribuem para “maior degradação” da camada juvenil e da sociedade local.

“As juventudes partidárias, para além do trabalho político, têm de orientar, ajudar, apoiar e estimular boas práticas por parte da juventude no geral”, concluiu o líder da JPAI em S.Vicente. Nicolau Centeio

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade
Cap-vert
Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project