POLÍTICA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

JPAI denuncia intimidação política do Sistema MpD e falhanço da parceria do atual Governo e das Câmaras Muncipais para com os Jovens de Santo Antão 26 Agosto 2020

Na sequência e no âmbito de uma visita aos municípios da ilha de Santo Antão, durante três dias, o Presidente da JPAI, Fidel Cardoso de Pina, diz ter constatado que a propalada parceria das Câmaras Municipais do MpD na ilha com o Governo de Ulisses Correia e Silva resultou num autêntico falhanço, já que os jovens estão desesperançados com a falta de oportunidades, resultado das promessas não cumpridas deste executivo, principalmente no que diz respeito à criação de empregos.

JPAI denuncia intimidação política do Sistema MpD e falhanço da parceria do atual Governo e das Câmaras Muncipais para com os Jovens de Santo Antão

De acordo com Fidel Cardoso, apesar de tanta diversidade e potencialidades de Santo Antão, nomeadamente na agricultura, pecuária, agronegócio, pesca ou turismo, o desemprego é o maior problema na ilha, contribuindo de forma significativa para perda da juventude santantonense, bem como no refúgio e o uso abusivo do álcool e de outras drogas.

“Constatamos essa preocupação dos jovens que reclamam da falta de politicas públicas por parte do Governo e das Câmaras Municipais para fixação da juventude em Santo Antão”, manifesta o jovem político, acrescentando que os jovens, igualmente, questionam esta vinda desenfreada dos governantes às vésperas das eleições para inaugurar e lançar primeiras pedras de obras que causam dúvidas, enquanto a sua importância para reter os quadros na ilha.

“Um conjunto de inaugurações e lançamento de primeiras pedras avulsas que não estão inseridos num plano estratégico para o desenvolvimento da ilha, mas sim, claramente, apenas com o cunho eleitoral e com objetivo de ludibriar a população de Santo Antão e em especial os jovens”, aponta Fidel, demonstrando seu total apoio institucional e todo o engajamento da JPAI para com as três jovens candidaturas do PAICV às eleições autárquicas na ilha das montanhas.

“Destacamos, que além de serem jovens, os nossos candidatos que encabeçam as Câmaras Municipais, são igualmente três ex-dirigentes da JPAI, o que é motivo para o nosso orgulho. Por outro lado, ficamos satisfeitos com a confirmação por parte das estruturas do partido e das candidaturas, da forte presença de jovens da JPAI e jovens de outros quadrantes da Sociedade civil nas listas do PAICV, quer para as Câmaras, como para as Assembleias Municipais.

O presidente da JPAI faz lembrar que no último Congresso do PAICV foi aprovada por unanimidade a Moção Sectorial da JPAI, onde uma das propostas era a Paridade Etária nas listas candidatas do PAICV para as eleições autárquicas e legislativas.

Cardoso refere ainda “a grave intimidação e condicionamento”, alegada por jovens de Santo Antão, por parte do sistema MpD. “Aliás, constatamos isso, após vários contactos com os jovens, que dizem ser ameaçados e perseguidos por terem uma opção partidária diferente do partido a nível local e central, estando assim, condicionados as suas respetivas participações politicas quer nas listas de candidatura bem como nas ações de campanha, com medo e receio de perderam o seu emprego e ou de serem prejudicados de outra forma em qualquer assunto pessoal como concursos públicos e ou requerimentos e trâmites nos poderes local ou central”, denuncia.

Perante tais factos, a JPAI apela aos jovens de Santo Antão, no sentido de não se deixarem intimidar e que participem livre e ativamente no processo eleitoral, seja nas listas de candidaturas, nas ações de campanha, nos fóruns de debate presencial ou nas redes sociais, “mas acima de tudo, no exercício do direito do voto enquanto cidadão e munícipe”.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project